Fla "barra" imprensa por duas horas e faz reunião para "ajustar os ponteiros"

Quando a imprensa foi liberada para acompanhar o treinamento, Andrade já estava no segundo tempo do coletivo

É comum em treinamentos no CT Ninho do Urubu, em Vargem Grande, a imprensa ficar aguardando cerca de 20 minutos o portão ser aberto. Porém, nesta sexta-feira, a espera foi longa. Os jornalistas esperaram duas horas para acompanhar o trabalho da equipe rubro-negra.

A explicação para isso tudo é simples: com a confusão entre Bruno e Petkovic, que quase brigaram dentro do vestiário, no intervalo da partida contra o Universidad Católica, do Chile, em Santiago, pela Libertadores, a sexta-feira foi de muita reunião entre jogadores, comissão técnica e dirigentes.

A reportagem do UOL Esporte apurou que, inicialmente, Bruno e Petkovic não serão punidos e apenas advertidos pela diretoria. O vice de futebol do Flamengo, Marcos Braz, foi embora do Ninho do Urubu sem conversar com os jornalistas.

Quando a imprensa foi liberada para acompanhar o treinamento, Andrade já estava no segundo tempo do coletivo. Álvaro, lesionado, está mesmo, fora. A boa novidade ficou por conta da recuperação de Michael, que já era dado como ?carta fora do baralho?. Willians não treinou, mas estará em campo normalmente no domingo.

Sendo assim, a tendência é de que o Flamengo entre em campo diante do Botafogo, no domingo, às 16h, no Maracanã, com a seguinte formação: Bruno; Leonardo Moura, David, Ronaldo Angelim e Rodrigo Alvim; Toró, Maldonado, Willians e Michael; Vagner Love e Adriano.

Fonte: UOL