Fla espera sim de Ronaldinho e fim de "tortura do vai-não vai"

Fla espera sim de Ronaldinho e fim de "tortura do vai-não vai"

Nesta sexta, enfim, o Flamengo deve saber o fim de toda história.

Apesar da euforia dos torcedores, o discurso de dirigentes rubro-negros ganhou um tom não tão otimista. Michael Levy, vice de finanças do Flamengo, disse que Assis e Ronaldinho conversarão com a família e entrarão em contato com os clubes interessados no jogador ainda nesta sexta-feira.

"Amanhã (hoje), eles vão se pronunciar, depois de uma conversa com a família. Quando fizerem isso, entrarão em contato com os clubes. Torcemos para que se resolva logo, pois não aguentamos mais essa tortura de vai-não vai", disse o dirigente.

Durante a quinta-feira, a cúpula da presidência participou de um evento em um hotel do Leblon, mas monitorou o que acontecia na entrevista de Ronaldinho. Quatro funcionários do clube, incluindo um fotógrafo, estiveram presentes ao Copacabana Palace, mas quando foram notados, retiraram seus crachás.

Nesta sexta, enfim, o Flamengo deve saber o fim de toda história.

Fonte: Terra