Flamenfo só fica no 0x0 com o Santos

O resultado deixou o time rubro-negro com 22 pontos, próximo à zona do rebaixamento.

Em partida equilibrada, Flamengo e Santos tiveram diversas chances de gol, mas não conseguiram balanças as redes no Maracanã e empataram por 0 a 0, em confronto válido pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O resultado deixou o time rubro-negro com 22 pontos, próximo à zona do rebaixamento. A equipe santista, por sua vez, não deu continuidade à sua série de quatro vitórias seguidas no torneio nacional, mas reassumiu a terceira posição, com 31 pontos.

O jogo começou truncado, com os dois times marcando forte no meio de campo. O primeiro lance de perigo veio aos 14min, quando Willians recebeu na intermediária e arriscou por cima da meta santista. No minuto seguinte, Pará contra-atacou pela direita, levou para o meio e concluiu em cima da defesa flamenguista.

Aos 19min, Leonardo Moura fez boa jogada e o time rubro-negro quase chegou ao gol. O jogador passou por quatro adversários, invadiu a área e tocou para Deivid, sem marcação. O atacante, que estreava neste domingo, teve a chance de marcar seu primeiro gol com a camisa flamenguista, mas finalizou por cima.

O Flamengo era melhor na partida diante de um Santos que sentia a ausência de Neymar. A equipe alvinegra errava muitos passes e encontrava dificuldade em armar jogadas ofensivas, e esbarrava na marcação do clube rubro-negro, que por sua vez atacava com perigo.

A equipe da casa quase chegou ao gol aos 28min. Willians avançou pela direita e cruzou para Diogo, que desviou no canto para Rafael fazer uma grande defesa. Dois minutos depois, Renato bateu uma falta sofrida por ele mesmo, mas a bola passou rente à trave esquerda.

Com um Keirrison visivelmente fora de forma, o Santos penava no campo de ataque. O jogador recebeu uma bola na parte ofensiva do gramado aos 32min e buscou a jogada individual, mas avançou muito e Marcelo Lomba pegou com segurança. Sete minutos depois, o Fla respondeu com Willians, que carregou e chutou próximo à trave direita.

A última chance da etapa complementar foi aos 45min, com Léo Moura, que cruzou no meio da área para Diogo cabecear à direita.

No segundo tempo, o apagado Keirrison deu lugar para o rápido Madson, que mudou a cara do time alvinegro. O jogador já criou uma boa chance aos 3min, quando chutou para uma ótima defesa de Marcelo Lomba.

No lance seguinte, o meia arrancou um cartão amarelo de Ronalgo Angelim e, aos 6min, dominou pela direita, avançou e arrematou por cima da meta flamenguista. A equipe rubro-negra respondeu seis minutos depois, com Renato, que cruzou da esquerda para David, sozinho, cabecear por cima do travessão.

O principal lance do segundo tempo aconteceu em seguida. Aos 15min, Juan levantou bola na área e o goleiro Rafael saiu bem e espalmou. Na sobra, Léo Moura deu um belo toque de calcanhar que encobriu o camisa 1 santista e, se não fosse Alex Santos desviar para o travessão, o Fla teria aberto o placar no Maracanã.

O Santos respondeu de novo com o veloz Madson. O atleta recebeu sozinho na área um passe de Danilo, olhou para a meta flamenguista e arrematou com precisão, mas a bola subiu muito.

Aos 19, quase o time alvinegro chegou ao gol. Marquinhos cruzou e Braitner se antecipou à marcação, e a bola resvalou sobre o travessão.

A partida seguia movimentada, com as duas equipes buscando o gol a todo o tempo. Com 25min, Juan - que tinha uma atuação inspirada - correu e alçou para Diogo, que mergulhou de cabeça e finalizou à direita da meta santista.

Petkovic, Diego Maurício e Kléberson substituíram Renato, Deivid e Willians para tentar marcar o gol que daria a vitória ao time carioca, mas não foi o bastante para as redes balançarem na despedida do Maracanã, que será fechado para reformas visando o Mundial de 2014, no Brasil.

Aos 33min, a última grande chance do jogo foi do Santos. Danilo recebeu e arriscou o remate de fora da área, mas não contava com um bem colocado Willians, que salvou em cima da linha o tento que daria ao time alvinegro sua quinta vitória seguida no Campeonato Brasileiro.

O empate sem gols reflete a má fase vivida pelo setor ofensivo flamenguista. O clube rubro-negro marcou apenas um gol nos últimos nove jogos e balançou as redes apenas 14 vezes na competição, o que representa o pior ataque do certame.

Na próxima rodada, o Flamengo enfrenta o São Paulo, quarta-feira, às 22h, no Morumbi. O Santos, por sua vez, encara o Botafogo, quinta-feira, às 21h, no Pacaembu.

FICHA TÉCNICA

Flamengo 0 x 0 Santos

Ponto Forte do Flamengo

A parceria formada por Léo Moura e Willians do lado direito, que infernizou a defesa santista

Ponto Forte do Santos

A boa atuação de Rafael e a entrada de Mádson na etapa complementar

Ponto Fraco do Flamengo

O ataque, formado por Deivid e Diogo, que penava na hora das finalizações

Ponto Fraco do Santos

Os setores de ofensivo e de criação, que sentiram as ausências de Neymar e Ganso

Personagens do jogo

Rafael, que fez ótimas defesas e livrou o Santos da derrota

Esquema Tático do Flamengo

4-4-2

Marcelo Lomba; Leonardo Moura, David, Ronaldo Angelim e Juan; Correa, Willians (Kléberson), Toró e Renato (Petkovic); Diogo e Deivid (Diego Maurício). Técnico: Silas

Esquema Tático do Santos

4-4-2

Rafael; Pará, Edu Dracena, Durval e Alex Sandro; Arouca, Danilo, Zezinho (Madson) e Marquinhos (Marcel); Zé Eduardo e Keirrison (Breitner). Técnico: Dorival Júnior

Cartões Amarelos

Flamengo: Ronaldo Angelim

Santos: Durval

Árbitro

Leandro Vuaden (RS)

Local

Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)







Fonte: Terra, www.terra.com.br