Flamengo vence Chapecoense com dois golaços e segue firme no G-4

Sem ganhar no returno, Verdão do Oeste pode mudar de treinador

Foi no primeiro tempo que o Flamengo construiu a vitória. Ao dominar as ações, com maior posse de bola (54% a 46%) e mais finalizações (5 a 2), não demorou a abrir o placar. César Martins cruzou da direita e, de primeira, Paulinho acertou o ângulo esquerdo de Danilo. Eram 10 minutos. Aos 32, Canteros fez o dele, em chute cruzado, depois de passe de Cirino. A Chape, lenta, sem criatividade e muito bem marcada, nada fez.

Image title

Na etapa final, o panorama se manteve. Mas as chances de gol ficaram escassas. Bruno Rangel e Mayslon, de cabeça, quase descontaram. A melhora foi recompensada: Márcio Araújo fez pênalti em Ananias, convertido por Bruno Rangel. A vitória foi garantida em lindo passe de Ederson para Kayke, na saída do goleiro, fazer o 3 a 1.

A sexta vitória em sequência - recorde da edição, ao lado do Atlético-MG - fez o Fla chegar aos 41 pontos. Não perdeu desde a chegada de Oswaldo de Oliveira. É o quarto. A Chape é a 14ª, com 30, e Vinícius Eutrópio pode perder o emprego. Voltam a atuar na quinta-feira. Apesar do mando, o Fla receberá o Coritiba, em Brasília, no Mané Garrincha, às 21h. Um pouco antes, às 19h30, a Chape desafia o São Paulo, no Morumbi.


Fonte: Com informações do Globoesporte