Flamengo vira contra Goiás no Maracanã lotado e volta à final da Copa do Brasil após sete anos

Flamengo vira contra Goiás no Maracanã lotado e volta à final da Copa do Brasil após sete anos

A classificação foi garantida com tranquilidade, já que o time carioca havia vencido por 2 a 1 em Goiânia

Sete anos depois de conquistar o segundo título da Copa do Brasil, o Flamengo está perto do tri. Na noite desta quarta-feira, sob chuva em um Maracanã lotado no Rio de Janeiro, a equipe mostrou força contra o Goiás: venceu de virada por 2 a 1 para confirmar vaga na grande decisão da competição nacional.

A classificação foi garantida com tranquilidade, já que o time carioca havia vencido por 2 a 1 em Goiânia e poderia até perder por dois gols de diferença dentro de casa. A última vez que brigou pelo título foi em 2006, quando bateu o Vasco na final e foi campeão. Antes, foi vice em 2004 (perdeu para Santo André), 2003 (Cruzeiro) e 1997 (Grêmio), além de campeão em 1990.

O adversário da final será o Atlético-PR, que garantiu sua primeira final de Copa do Brasil ao empatar com o Grêmio por 0 a 0 - na ida, em Curitiba, havia vencido por 1 a 0. A primeira partida da final está marcada para 20 de novembro, uma quarta-feira, em Curitiba, em horário a definir. A taça será entregue sete dias depois, no Maracanã. Pelo Campeonato Brasileiro, curiosamente Goiás e Flamengo voltarão a se encontrar no sábado. Ambos se enfrentam mais uma vez no Maracanã, às 21h (de Brasília).

A partida no Maracanã começou quente, apesar da forte chute que atingiu o Rio de Janeiro e complicou a chegada dos torcedores ao estádio. De forma surpreendente, o Goiás deu indícios de que poderia vencer a ausência do artilheiro Walter, lesionado, e abriu o placar logo aos 5min: David cobrou falta, e Eduardo Sasha levou a melhor pelo alto para cabecear para o fundo das redes.

O time visitante teria de fazer dois gols de diferença para ficar com a vaga. Apesar do golpe inicial, o Flamengo não se desesperou: manteve a postura e chegou ao empate pouco depois, aos 13min. Elias ganhou dividida dentro da área e rolou para Hernane, que tocou por cima de Renan com categoria. O gol renovou a postura do anfitrião, que passou a dominar as ações no Maracanã.

Aos 23min, Elias recebeu bola na intermediária, pela esquerda do ataque, girou sobre a marcação e bateu com força para mandar a bola no canto esquerdo de Renan e virar o placar. O Goiás não conseguiu reagir. No segundo tempo, o time tentou pressionar o Flamengo, mas não teve poderio ofensivo para assustar, efetivamente. Ainda viu Hernane marcar o terceiro aos 10min, em gol que seria erroneamente anulado por impedimento.

Aos 20min, o time visitante quase conseguiu empatar: Wellingtton Junior recebeu passe na área e furou na hora do chute; Junior Viçosa ficou com a sobra e bateu rasteiro entre a marcação ? a bola passou rente a trave e saiu. O Flamengo manteve o domínio da partida e ainda viu Paulinho perder grande chance em contra-ataque, aos 39min: recebeu passe dentro da área, de frente para o gol, mas chutou por cima.

Fonte: Terra