Fluminense vacila em casa e fica no empate com o Figueirense

Fluminense vacila em casa e fica no empate com o Figueirense

Fluminense entrou em campo com pelo menos seis desfalques importantes.

Mesmo com vários desfalques, o Fluminense esteve à frente no placar por duas vezes neste domingo, no Engenhão, mas vacilou e acabou cedendo o empate ao Figueirense, ficando na igualdade por 2 a 2. O tropeço em casa impediu a equipe de Abel Braga de manter os 100% de aproveitamento na competição, depois de começar o Campeonato Brasileiro com vitória sobre o atual campeão Corinthians. O time catarinense, por sua vez, conseguiu um bom resultado longe de seus domínios, graças a um grande segundo tempo.

Ainda procurando se recuperar da eliminação nas quartas de final da Copa Libertadores, sofrida na última quinta-feira, diante do Boca Juniors, o Fluminense entrou em campo com pelo menos seis desfalques importantes. Além de Fred, Deco, Valencia e Diguinho, que já não vinham atuando, Abel ainda perdeu Rafael Sobis e Rafael Moura para a partida deste domingo, que se juntaram ao time de lesionados do Fluminense. Wellington Nem, que poderia ser uma boa opção para o ataque, está com a Seleção Brasileira.

Diante deste quadro, Abel se virou para montar o time, que mesmo desfalcado deu a impressão de que poderia sair do Engenhão com uma importante vitória. No entanto, a expulsão do jovem Wallace, no final do primeiro tempo - foram dois cartões amarelos em faltas desnecessárias -, complicou as coisas para o time da casa. Inteligente, o Figueirense soube crescer no segundo tempo e buscou o resultado até o fim, chegando perto do triunfo nos últimos minutos.

O Fluminense começou melhor e não demorou para abrir o placar. Aos 17min, Wagner foi quase até a linha de fundo, cruzou atrás para Samuel, que não conseguiu dominar, e Marcos Júnior aproveitou a sobra. O jogador dominou e girou chutando no canto, sem chances de defesa para Ricardo. A partida então ficou morna no primeiro tempo, mesmo após a expulsão de Wallace, aos 40min.

O segundo tempo veio e com ele o jogo ficou aberto. Em desvantagem numérica, o Fluminense não conseguia mais segurar o ataque rival como antes. Aos 12min, o Figueirense chegou ao empate quando Túlio tentou o chute, a bola espirrou na zaga e Caio pegou a sobra com um arremate firme, rasteiro. O time carioca voltou a ficar em vantagem aos 20min, com o gol de Wagner, que bateu na saída do goleiro depois de receber belo passe de Marcos Júnior.

Após o gol, o Fluminense se retrancou e poderia até ter levado a virada. O Figueirense empatou novamente ainda aos 30min, em chute de fora da área de Pablo que desviou em Wagner, tirando as chances de defesa de Diego Cavalieri. O goleiro, porém, ainda salvaria o time carioca da derrota nos minutos finais. Com o empate, a equipe catarinense chegou aos mesmos quatro pontos do Fluminense, já que havia vencido o Náutico na estreia.

Pela terceira rodada do Brasileiro, o Fluminense deve ter mais um jogo difícil, contra o Santos, na Vila Belmiro, no dia 6 de junho, às 21h50 (de Brasília). No dia 7, é a vez do Figueirense voltar a campo diante do Corinthians, no Pacaembu, às 20h30.

Fonte: Terra