Fluminense vence Santos com gol aos 50min do 2º tempo

Fluminense vence Santos com gol aos 50min do 2º tempo

A partida deste sábado confrontou as duas equipes com melhores aproveitamentos no segundo turno do Nacional

Em uma partida com final emocionante, o Fluminense conseguiu a vitória sobre o Santos por 3 a 2. Após ver o time alvinegro empatar o jogo aos 44min do segundo tempo, o clube carioca marcou com Márcio Rosário e conseguiu a dramática vitória nos acréscimos. Com o resultado do confronto válido pela 27ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, o Fluminense chega a 44 pontos e se garante até o término da jornada na zona de classificação à Copa Libertadores. Já o Santos estaciona nos 35 e fica em posição intermediária na tabela.

A partida deste sábado confrontou as duas equipes com melhores aproveitamentos no segundo turno do Nacional. Enquanto o time tricolor possuía 76,2% de aproveitamento, a equipe paulista tinha 72,2%. Dessa forma, a partida não poderia deixar de ser bastante disputada.

Após um primeiro tempo movimentado, com as duas equipes criando boas oportunidades de marcar. De um lado, o Santos contava com a habilidade e as jogadas contruídas por Neymar. Do outro, o Fluminense tinha um setor ofensivo perigoso, sobretudo devido aos passes precisos de Fred. Com isso, o Santos abriu o placar com o gol do jovem atacante, porém logos depois Marquinho empatou após jogada de Fred.

Na segunda etapa, o ritmo da partida caiu bastante e o time mandante conseguiu a virada depois de um belo chute de fora da área de Rafael Sobis, que havia entrado pouco tempo atrás na vaga de Martinuccio. Quando parecia que o jogo terminaria em vitória dos cariocas, o atacante Renetería empatou. No entanto, Márcio Rosário definiu a vitória na sequência.

Na próxima rodada do Brasileiro, o Santos fará clássico com o Palmeiras, na Vila Belmiro, às 16h (de Brasília) de domingo. No mesmo dia e horário, o Fluminense duelará com o rival Flamengo, no Engenhão.

O time paulista, porém, ainda jogará pelo Nacional na quarta-feira, quando visitará o Grêmio, no Olímpico, às 20h30, em partida válida pela 11ª rodada da competição.

O jogo

A partida iniciou de forma bastante movimentada. Com muitas chances de gol de cada lado, o duelo mostrou um futebol empolgante. Aos 12min, Borges chutou forte da direita e Diego Cavalieri espalmou pela linha de fundo. Cinco minutos depois, o Fluminense respondeu: Marquinho avançou pela esquerda, levantou na área, Fred cabeceou e Rafael salvou o Santos.

Aos 21min, o time paulista sofreu com uma baixa. Danilo sentiu-se mal e foi substituído por Adriano. Porém, isso não interferiu no ritmo acelerado da partida. Dois minutos depois, Arouca arrancou pelo meio, acionou Neymar na área, o atacante chapelou seu marcador e conclui por cima do alvo. Aos 28min, foi a vez do Fluminense levar perigo. Na melhor chance do jogo até então, Marquinho recebeu ótimo passe de Fred e, de frente para o gol, chutou em cima do goleiro Rafael.

Logo em seguida, a equipe carioca pagaria caro pela chance desperdiçada. Aos 32min, Neymar foi lançado na esquerda, em contra-golpe, bateu no canto direito e Diego Cavalieri não conseguiu defender o chuta fraco.

No entanto, o time tricolor não levaria muito tempo para empatar o duelo. Sete minutos depois, Marquinho recebeu ótima assistência de Fred e chutou para a defesa de Rafael. No rebote, o meia ficou com o gol vazio e só teve o trabalho de tocar para as redes, definindo o placar da etapa inicial.

Na volta para o segundo tempo, o ritmo do jogo caiu muito e as duas equipes passaram a errar muitos passes e não criavam chances de marcar. Com Neymar (um dos destaques do primeiro tempo) sendo marcado individualmente por Edinho, o Santos tinha dificuldade em levar perigo e, assim, o jogo seguia pouco agitado e sem a mesma animação.

Em uma das únicas oportunidades, Deco , que entrou no intervalo na vaga do jovem Lanzini, cobrou falta da esquerda na área, Rafael saiu mal e Leandro Euzébio cabeceou na trave.

Tentando mudar o panorama do confronto, Abel Braga colocou Rafael Sobis no lugar de Martinuccio. E seria justamente do atacante o lance que viraria o placar. Aos 27min, o jogador dominou na entrada da área e finalizou no ângulo direito da meta do goleiro adversário, marcando um belo gol.

Aos 37min, Digão chegou forte em Rentería e foi expulso de campo. Com um jogador a mais, o Santos se mandou ao ataque e conseguiu o empate aos 44min da etapa final, quando o estreante Rentería recebeu na entrada da área e concluiu no canto de Diego Cavalieri.

No entanto, aos 50min, Márcio Rosário subiu bem, cabeceou após cobrança de escanteio de Rafael Sobis e definiu o placar final da partida.

Fonte: Terra