Fluminense volta a briga por Thiago Neves e envia proposta

Clube voltou a procurar o jogador por conta da demora no Flamengo em anunciar sua permanência

Acompanhando de perto a longa novela entre Flamengo, Thiago Neves e Al Hilal, o presidente da patrocinadora do Fluminense, Celso Barros, resolveu fazer mais uma investida pelo jogador. O site apurou que em reunião na noite da última terça-feira, o jogador deu sinal verde para que a Unimed tente sua compra com os árabes e inclusive já acertou detalhes do salário que receberá, caso a negociação avance.

O Fluminense enviou nesta quarta-feira uma proposta para o Al Hilal, que detém 90% dos direitos econômicos do atleta. Porém, a equipe das Laranjeiras terá que correr contra o tempo, já que após meses de negociações travadas com o Flamengo, o pagamento dos R$ 18 milhões está apalavrado, mas ainda se discutem detalhes para fechar o acordo.

Dirigentes do Fluminense também confirmaram que o São Paulo tentou a contratação de Thiago Neves, mas saiu da briga pelo alto valor pedido pelo jogador. Com o Flamengo, as negociações parecem estar perto de serem confirmadas, mas podem voltar a travar, caso a forma de pagamento do Fluminense agrade mais aos dirigentes do Al Hilal.

Caso seja contratado, Thiago Neves chega para um setor já fortalecido no Fluminense, que conta com Wagner, Marquinho, Deco, Souza, Lanzini, Lucas Patinho e até Wellington Nem, que pode atuar no setor. Recentemente, o Flu rejeitou propostas por Marquinho e pode voltar a conversar com os clubes interessados, já que o jogador perderia espaço na equipe.

Um problema que Thiago Neves terá que contornar é a rejeição da torcida tricolor. Além de ter voltado para o futebol brasileiro para atuar pelo Flamengo, o jogador provocou o ex-clube quando venceu o Campeonato Carioca em 2011, seu primeiro título na competição, ao declarar que "jogando em time grande é outra coisa". No elenco, porém, o jogador possui amigos como Fred, Rafael Moura e Diguinho.

Fonte: IG