Fora dos planos na Ponte Preta, piauiense Jonas estuda volta ao Fla

Volante foi emprestado à Ponte em janeiro

Tendo chegado à Ponte Preta no começo do ano por empréstimo, o volante piauiense Jonas não vem mostrado um bom futebol. Devido a opção do técnico Eduardo Batista, que preferiria outro perfil de atleta para posição, o jogador pode estar encerrando sua passagem por Campinas e espera saber se o Flamengo deseja ter seus serviços de volta para definir seu futuro.

"Por enquanto tudo é especulação, mas essa semana tudo deve ser solucionado. Tivemos algumas propostas, sim, mas ainda está tudo em aberto. São quatro times da Série A procurando. A gente deve ter reunião com o Flamengo e depois definir com a Ponte, clube para o qual ele está emprestado. Está todo mundo analisando para que o Jonas tenha o melhor caminho a ser decidido", afirmou o empresário Eduardo Maluf, que gerencia a carreira do meio-campo, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

"O detentor dos direitos dele é o Flamengo, é a quem temos que nos reportar e, junto com a gente, tomar o melhor caminho para ele (Jonas)", completou o agente.

Dono de um futebol aguerrido, com raça e fortes divididas, tendo feito muitas faltas por conta disso, Jonas começou a surgir no cenário do futebol brasileiro, em 2014, quando defendia a camisa do Sampaio Correa-MA - as boas atuações lhe renderam o apelido de "Schweinsteiger do Nordeste".

Depois de se destacar pelo clube maranhense, o piauense de 24 anos despertou interesse de grandes times do Brasil, como o Corinthians, mas optou por defender o Flamengo.


Jonas (Crédito: Getty)
Jonas (Crédito: Getty)


Fonte: Com informações da Espn