Aposentado, Ronaldo ganha R$ 1 milhão por ano do Corinthians

O Fenômeno se aposentou em fevereiro de 2011, mas segue na folha salarial do Timão até hoje

Ronaldo se aposentou em fevereiro de 2011, mas segue na folha salarial do Corinthians até hoje. O Fenômeno foi contratado como garoto-propaganda do Timão assim que anunciou o fim da carreira, com direito a salário de R$ 1 milhão por temporada.

O mais curioso é que o Corinthians não o usou nem sequer uma vez durante todo o período. Nem o fato de a Copa do Mundo ter sido disputada no Brasil, com abertura no Itaquerão, foi suficiente para que o clube acionasse o até então maior artilheiro da história dos Mundiais — o alemão Klose o ultrapassou em julho.

Pessoas próximas a Ronaldo garantem que ninguém do Corinthians o solicitou para qualquer compromisso comercial nos últimos três anos. E a conta vai sobrar para o vice-presidente Luiz Paulo Rosenberg, que era do marketing durante 2011, e para o presidente Mario Gobbi, que tem problemas pessoais com o craque.

O contrato de Ronaldo terminará no próximo dia 31, embora exista a possibilidade de ele assumir algum posto no Corinthians em 2015 caso Roberto de Andrade seja eleito, em 7 de fevereiro. Foi graças ao Fenômeno que o Timão fechou um patrocínio com a Hypermarcas em 2010 pelo valor de R$ 38 milhões.

Amizade?

Roque Citadini, Rosenberg, Waldemar Pires e companhia vazaram nos últimos dias o boato de um acordo político com Andrés Sanchez. “Com eles, não tem isso. E nunca terá”, avisa o ex-presidente corintiano.

Clique e curta Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Terra