Brasil vence a França por 3 a 1 no palco da fatídica derrota na final da Copa de 98

Varane abriu o placar para os donos da casa, mas Oscar, Neymar e Luiz Gustavo anotaram para a equipe comandada por Dunga

O Brasil ainda não sabe o que é perder, ou até mesmo empatar, depois do vexame na Copa do Mundo realizada no País. Jogando no Stade de France, palco da fatídica derrota na final do Mundial de 1998, parecia que a história se repetiria.

A Seleção Brasileira saiu atrás com um gol de cabeça, muito similar ao anotado por Zidane na época, mas, diferente daquela ocasião, conseguiu se recuperar, virar a partida e vencer por 3 a 1.

Varane abriu o placar para os donos da casa, mas Oscar, Neymar e Luiz Gustavo anotaram para a equipe comandada por Dunga As duas equipes tiveram muitas dificuldades na criação das jogadas e pouco assustaram os goleiros rivais na etapa inicial. Enquanto a França apostava em lances de bola parada, o Brasil jogava suas fichas na velocidade e individualidade de Neymar.

Depois de realizar uma defesa espetacular na cabeçada de Benzema, Jefferson nada pôde fazer em nova cobrança de escanteio e viu Varane abrir o placar, em um lance muito parecido com um dos gols de Zidane na final da Copa de 1998. Atrás no placar, o Brasil começou a se soltar mais na partida. Roberto Firmino recebeu de Neymar e obrigou Mandanda espalmar para linha de fundo.

Já no final do primeiro tempo, quando parecia que a França iria para o intervalo com a vantagem, Firmino encontrou Oscar dentro da área, que deu de bico para empatar a partida para a Seleção. A Seleção voltou para a etapa final mais organizada e parou de sofrer nas bolas paradas dos franceses. Com uma movimentação maior dos homens da frente, a equipe comandada por Dunga precisou de apenas 11 minutos para acertar uma boa troca de passes e ver Neymar concluir com perfeição, sem chance para Mandanda

Na tentativa do empate, a França até criou perigo no ataque, mas acabou parando na segura atuação de Jefferson. O Brasil cresceu de produção no meio do segundo tempo e aproveitava as brechas deixadas no setor defensivo francês para contra-atacar. Em uma dessas investidas, Willian trabalhou com Neymar, que rolou para Oscar chutar, mas Mandanda espalmou para escanteio. Na cobrança, Luiz Gustavo ganhou no alto e deu números finais ao duelo.

O Brasil volta a campo no domingo, 29 de março, contra o Chile no Emirates Stadium, em Londres, às 12h (de Brasília). Será o primeiro confronto entre as duas equipes após o duelo pelas oitavas de final da Copa do Mundo de 2014, na qual a Seleção levou a melhor nas disputa de pênaltis.

GOLS

França 1 x 0 Brasil - 20min do primeiro tempo Valbuena bateu escanteio da esquerda, Varane subiu mais que o marcador e cabeceou no canto esquerdo de Jefferson. França 1 x 1 Brasil - 39min do primeiro tempo Roberto Firmino fez belo passe para Oscar na área e o jogador do Chelsea concluiu sem chances para Mandanda. França 1 x 2 Brasil - 11min do segundo tempo Em rápido contra-ataque, Willian achou Neymar na lateral da área e o atacante finalizou no canto direito de Mandanda. França 1 x 3 Brasil - 23min do segundo tempo Willian cobrou escanteio com perfeição e Luiz Gustavo subiu mais alto que a zaga para testar firme e ampliar o marcador para a Seleção Brasileira.

Homenagens

Antes da bola rolar, Patrick Vieira, Thierry Henry, Zinedine Zidane, Didier Deschamps e Marcel Desailly receberam homenagens de Noël Le Graët, presidente da federação francesa, e François Hollande, presidente da França, por terem vestido por mais de 100 vezes a camisa da seleção francesa. No Instagram, o eterno camisa 10 postou a foto de um de seus gols na final da Copa de 1998 e disse que o Stade de France traz de volta memórias especiais.











Fonte: Terra