Campeonato Brasileiro deste ano tem menor aproveitamento de gols desde 1990

Campeonato Brasileiro deste ano tem menor aproveitamento de gols desde 1990

Tudo bem que o Campeonato Brasileiro de 2014 ainda não chegou à metade, e os números não são definitivos. Mas, após o desfecho da 15ª rodada, os dados não são nada bons quanto à média de gols. Há muito tempo que o Brasileirão balança tão pouco as redes como tem feito nesta temporada. A média de 2,12 gols por partida é a menor desde a edição de 1990, que terminou com 1,89 gol marcado por jogo. E isso num tempo em que uma vitória valia dois pontos, e não três - o regulamento mudou em 1994.

De lá para cá, o outro número baixo que mais se aproximou do da competição de 2014 foi o de 1991, que teve a média de 2,21 gols por partida. A melhor média nesse período foi a do Brasileirão de 2005, que alcançou o número de 3,13 gols. Depois aparece o de 2002, com 3,02. As outras mais altas foram de 2,89, em 2003, e 2,88, em 2009. As três últimas rodadas do Brasileirão tiveram média de gols inferior à do campeonato. A 13ª teve 2,0 gols; a 14ª teve 1,7; e a 15ª, novamente 2,0. As piores médias foram na décima primeira (1,5) e na primeira (1,6).

O líder vai bem

Se por um lado o Brasileirão de 2014 tem um número pouco animador, ao menos o líder do campeonato carrega uma marca considerável. Seus 32 gols o deixam como melhor ataque entre os 20 participantes e também como o líder mais efetivo a essa altura do campeonato desde o Botafogo de 2007. Na edição de sete anos atrás, o Alvinegro acumulava 33 gols - mas terminou a corrida apenas na nona colocação.

Fonte: Globo Esporte