Com 5 gols de Cristiane, Brasil vence Equador no futebol feminino

Com cinco gols, quatro de cabeça, a camisa 11 foi o destaque da vit

Image title


Uma, duas, três, quatro, cinco vezes Cristiane...Depois de passar em branco no Mundial feminino disputado mês passado, no Canadá, a atacante brasileira desencantou em grande estilo.

Com cinco gols, quatro de cabeça, a camisa 11 foi o destaque da vitória do Brasil por 7 a 1, de virada, sobre o Equador, nesta quarta-feira, no Canadá, pela segunda rodada do grupo B do torneio feminino de futebol dos Jogos Pan-Americanos de Toronto.

Mônica e Maurine, que veio do banco, completaram a goleada brasileira. Pessantes, que abriu o placar no estádio de Hamilton, descontou para as equatorianas.Com duas vitórias conquistadas, a seleção brasileira só volta a campo no próximo domingo, às 21h35 (horário de Brasília), contra as donas da casa.

O JOGO

O jogo começou com a seleção brasileira trocando passes no campo adversário, mas sem levar perigo à goleira Shirley Berruz.

Apenas se defendendo nos minutos iniciais, o Equador precisou de quatro minutos para marcar. E o gol veio justamente na primeira vez que as equatorianas passaram do meio-campo. Após um chutão na cobrança de falta da capitã Moreira, Pessantes aproveitou a indecisão de Luciana, que demorou demais para sair do gol, e tocou com categoria para abrir o placar.

O gol acabou com a tranquilidade da seleção brasileira, que tentava o empate na base do abafa e dava espaços para os contra-ataques do Equador. Em um deles, Quinteros encontrou um buraco no lado esquerdo da defesa canarinho, cortou para o meio e chutou com perigo.Quando a seleção do Equador começava a gostar do jogo, o Brasil empatou num lance polêmico. Em cobrança de escanteio ensaiada, Berruz soltou o chute de fora da área de Thaísa, Formiga dividiu com a goleira e a bola sobrou para Mônica deixar tudo igual.

O gol devolveu a tranquilidade ao time brasileiro, que voltou a controlar o jogo. Mas apesar do domínio, o Brasil assustava pouco. Num dos raros lances de perigo, Andressa Alves recebeu livre pela direita e cruzou rasteiro na pequena área, Cristiane desviou de leve e viu a bola passar raspando a trave esquerda de Berruz.Apesar da falha no gol, a goleira equatoriana se destacava. Aos 38, Berruz se esticou toda e impediu o segundo gol brasileiro numa linda defesa, após cobrança de falta de Andressinha. No lance seguinte, o Brasil voltou a balançar a rede. Mas a arbitragem marcou impedimento de Cristiane e anulou o gol.De tanto insistir, o gol acabou saindo. E com Cristiane, que desencantou. Depois de passar em branco no Mundial, a atacante aproveitou linda jogada individual de Formiga e cabeceou com estilo para colocar o Brasil em vantagem. A camisa 11 estava com fome de gol e quase ampliou aos 45, num peixinho que carimbou o travessão de Berruz.

Em vantagem no marcador, o Brasil estava decidido a liquidar logo a fatura. O Equador até tentou estragar os planos do técnico Vadão, mas o dia era mesmo de Cristiane. Inspirada, a atacante brasileira marcou mais três vezes e desencantou de vez.O primeiro veio aos 10. Tamires fez linda jogada pela esquerda, foi à linha de fundo e cruzou na medida. Mesmo marcada, a camisa 11 escorou de pé esquerdo na pequena área e ampliou. Onze minutos depois, a atacante fez o terceiro. Desta vez de cabeça, após linda jogada entre Andressinha e Raquel, que cruzou na medida. Mas a artilheira do dia queria mais e marcou mais duas vezes. Novamente de cabeça: aos 25, após cruzamento de Maurine, que acabara de entrar, e, aos 32, em outra assistência perfeita de Tamires.O Brasil não parava, e o sétimo gol veio aos 37 minutos. Em cobrança de falta ensaiada, Mônica rolou para Maurine, que arriscou de muito longe e acerto o cantinho da goleira Berruz. Com os três pontos assegurados, o técnico Vadão aproveitou para fazer as três substituições, e a seleção só teve o trabalho de administrar o resultado.

Fonte: Com informações: Globo Esporte