Com gol de Guerrero, Corinthians bate Grêmio e encaminha G-4

Em terceiro lugar com 66 pontos, o time de Mano Menezes fica a apenas uma vitória nos últimos dois jogos de carimbar a vaga no G-4.

A decisão é com ele. Diante de mais de 36 mil pessoas que foram neste domingo à Arena em Itaquera, o Corinthians viu novamente como o atacante Guerrero, em negociação por renovação de contrato, é importante para o time. A equipe alvinegra recebeu o Grêmio em duelo direto pelo G-4 e parecia que ia parar na trave após acertar o poste duas vezes, mas com gol de Guerrero aos 38min do segundo tempo conseguiu a importante vitória por 1 a 0 para encaminhar um lugar no grupo dos quatro primeiros.

Em terceiro lugar com 66 pontos, o time de Mano Menezes fica a apenas uma vitória nos últimos dois jogos de carimbar a vaga no G-4. Vale lembrar, contudo, que o time paulista pode perder quatro pontos em julgamento no Pleno do STJD nesta quinta por uma suposta escalação irregular de Petros. No próximo fim de semana, os corintianos visitam o Fluminense às 17h (de Brasília) do domingo no Maracanã e fecham em casa com o Criciúma na semana seguinte.


Já o Grêmio fica em situação complicada na briga por uma vaga na competição continental. Após derrota para o Cruzeiro na última quinta-feira, a equipe de Felipão fica em sexto, com 60 pontos, a três do rival Internacional, que ainda leva vantagem no quesito vitórias.  O time tricolor volta a campo contra o virtual rebaixado Bahia, no próximo domingo, às 19h30, em Salvador, e fecha o torneio na próxima semana contra o Flamengo em casa.

Corinthians acerta a trave e pressiona Grêmio

O decisivo duelo começou em ritmo acelerado em Itaquera. Com passes rápidos, ambas as equipes chegavam fácil ao ataque e buscavam o gol. A primeira grande chance foi corintiana: aos 9min, Guerrero recebeu de Fágner, girou sobre a marcação e chutou na trave de Grohe. Após os 10 minutos iniciais, o Corinthians tomou as rédeas do confronto e pressionou os gaúchos, conseguindo sequência de escanteios. Em um deles, Felipe cabeceou muito perto do gol aos 22min.

Mais incisivos, o Corinthians ainda assustou em outros dois lances. Primeiro, Fábio Santos cruzou para Guerrero, que concluiu para boa defesa de Grohe no canto. No lance seguinte, Fágner arriscou de fora da área e acertou a rede pelo lado de fora gremista com muito perigo. O Grêmio equilibrou o duelo nos 15 minutos finais, mas também não mexeu no placar até o intervalo.

Grêmio volta melhor, e Corinthians volta a parar em trave

Na etapa final, Felipão mexeu e tirou Riveros para a entrada de Giuliano. A alteração surtiu efeito e o Grêmio dominou completamente o Corinthians nos primeiros minutos, tendo inclusive um gol de Barcos bem anulado. A única chance corintiana surgiu apenas em lance espetacular de Guerrero, que pegou a bola no meio-campo aos 7min, fez o que quis na defesa adversária e chutou com muito perigo em um lance que seria um gol de placa.

Os donos da casa só equilibraram o jogo a partir dos 20min, após enorme posse de bola do Grêmio e entrada de Luciano no lugar de Malcom. E tiveram um lance muito polêmico aos 23min. Luciano tentou evitar saída de bola e cruzou para o meio da área, e Rhodolfo mandou para o próprio gol. O bandeira anulou o lance, alegando saída de bola. As imagens não deixam claro se a bola saiu.

Melhor em campo na reta final do confronto e reforçado com as entradas de Jadson e Danilo, o Corinthians mais uma vez acertou a trave gremista. Em cobrança de falta de Jadson, Felipe subiu mais que a defesa adversária, mas parou no poste aos 35min. O gol veio pouco depois: Luciano tocou para Guerrero aos 38min, e o peruano chutou fraco, mas viu a bola passar entre Grohe e Rhodolfo para morrer na rede.  Vitória e festa corintiana em Itaquera. 

Fonte: Terra