Com gol de Paolo Guerrero, Flamengo vence Inter no Beira-Rio

Vitória alivia um pouco a pressão em cima do técnico rubro-negro

Ele, enfim, fez a estreia com a camisa do Flamengo. E mostrou que tem estrela. Com um gol e uma assistência de Paolo Guerrero, o time rubro-negro venceu o Internacional por 2 a 1, nesta quarta-feira, no Estádio Beira-Rio, em duelo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A vitória, além de reabilitar a equipe na competição, alivia um pouco a pressão em cima do técnico Cristóvão Borges.


Diante de um Inter cada vez menos parecido com aquele que está na semifinal da Libertadores, o Flamengo se impôs desde o início. Guerrero abriu o placar cedo, em um lance no qual Canteros estava impedido.

O gol irregular, porém, não invalida a vitória do time carioca, que dominou a partida, e chegou merecidamente ao segundo gol na etapa final, sofrendo o desconto já nos acréscimos.

Com a derrota, o Flamengo se iguala ao Internacional com 13 pontos. Os rubro-negros estão em 13º pelos critérios, enquanto os gaúchos amargam a 16ª posição, a última antes da zona de rebaixamento. Na próxima rodada, o Colorado visita o Joinville, enquanto o Rubro-Negro recebe o Corinthians, no jogo que deve marcar o reencontro de Guerrero com o Timão.

As duas partidas serão no domingo, às 16h, horário de Brasília. O Flamengo começou melhor na fria e chuvosa noite gaúcha. Logo aos dois minutos, Sheik cruzou e a bola passou por Canteros e Guerrero, que se esticaram, mas não conseguiram o toque na área. O Inter respondeu em chute de longe de William aos cinco, mas o Fla foi mais efetivo: aos dez minutos, Jorge recebeu de Everton e chutou em cima da zaga. A bola sobrou para Canteros, que, impedido, escorou para Guerrero marcar seu primeiro gol pelo Rubro-Negro logo em sua estreia. Assim como nos últimos jogos, o Inter apresentou dificuldade para chegar ao gol adversário. Aos 23, enfim, um lance de relativo perigo, em bom chute de Valdívia por cima. O meia colorado tentaria novamente aos 35, mas desta vez sem a mesma qualidade de arremate.

O Fla só chegou de novo aos 40, em falta levantada por Ayrton que Victor Cáceres cabeceou mal, para fora.O Inter teve uma ótima chance logo no começo do segundo tempo, mas Geferson, livre, desperdiçou. Foi um falso alarme: a etapa final foi completamente dominada pelos cariocas. Aos 9 minutos, Canteros fez jogada individual, entrou livre na área e chutou para Muriel salvar. O goleiro colorado faria nova grande intervenção aos 13, impedindo que Emerson Sheik concluísse um lançamento de Guerrero. De tanto pressionar, o Fla ampliou aos 20: Guerrero dominou na área e deu lindo toque para Everton fuzilar Muriel. Aos 25, Victor Cáceres quase fez mais um após jogada de Canteros.

No minuto seguinte, o paraguaio cruzou para Guerrero, que por pouco não alcançou para fazer o terceiro. O Inter só reagiu aos 34, quando Vitinho fez grande jogada individual, mas acabou brecado por Marcelo na hora do chute. Aos 47, o zagueiro Ernando descontou para o Colorado após passe de Lisandro López na área.

Image title


Fonte: Terra