Corinthians empata com o Once Caldas por 1 a 1 na Colômbia e garante Majestoso

O Corinthians espantou de vez qualquer resquício da precoce eliminação para o Tolima na pré-Libertadores de 2011


O Corinthians espantou de vez qualquer resquício da precoce eliminação para o Tolima na pré-Libertadores de 2011. Nesta quarta-feira, os comandados por Tite, que também era o técnico naquela oportunidade, foram até a Colômbia, mesmo país, e empataram por 1 a 1 com o Once Caldas.

Como a partida de ida na Arena terminou 4 a 0 para o time alvinegro, o clube brasileiro garantiu com folga sua vaga na fase de grupos da competição continental. Elias marcou no primeiro tempo e Arango empatou para os donos da casa. Com a vitória, o Corinthians garante a vaga no Grupo 2, que é formado por San Lorenzo, Danubio e São Paulo.

A estreia na fase seguinte acontece justamente contra o rival paulista, na próxima quarta-feira (18), às 22h (de Brasília) na Arena localizada em Itaquera. Para essa partida, a equipe já contará com um desfalque importante: Guerrero, expulso no primeiro jogo contra o Once Caldas, foi suspenso por três partidas pela Conmebol. Apesar de sofrer alguns sustos na defesa, o Corinthians fez um primeiro tempo consistente, bem postado e saindo com velocidade nos contra-ataques.

Foi assim que Elias, após bela troca de passes entre Emerson Sheik e Jadson, abriu o placar antes mesmo dos 15 minutos iniciais. Em muita desvantagem no placar, o Once Caldas saiu para o jogo e esboçou uma pressão na equipe brasileira, que contou várias intervenções de Cássio para sair com a vitória na etapa inicial. O Corinthians voltou com menos ímpeto na volta do intervalo e viu o Once Caldas crescer na partida. Com três minutos, os donos da casa já tinham acertado uma bola no travessão, Ralf salvou uma em cima da linha e Cássio efetuado outra ótima defesa. Dez minutos depois, em jogada individual de Arango sobre Fagner, o meia acertou um belo chuto no canto esquerdo, sem chances para o goleiro alvinegro. Depois do empate, o Once Caldas seguiu atrás da vitória, mas esbarrou, novamente, em boas defesas de Cássio e nos erros de finalizações.

Apesar da grande vantagem do Corinthians, que venceu a primeira partida por 4 a 0, Cássio foi fundamental para uma classificação sem muitos sustos para o clube paulista. Expulso no último clássico contra o Palmeiras, o camisa 12 fez, pelo menos, quatro defesas importantíssimas. Além de defender bolas de Arango, Pérez, Penco e Moreno, ele ainda contou com a ajuda do travessão uma vez e viu Ralf salvou um lance em cima da linha. Sem muitos lances polêmicos, Galvão Bueno e Arnaldo Cezar Coelho "pegaram no pé" do uruguaio Darío Agustín Ubriaco por conta de sua forma física. Ao fazer os comentários inicais sobre a arbitragem, Arnaldo revelou que o juiz tentou ser jogador de futebol, não deu certo, e decidiu apitar. Em seguida, comentou que Ubriaco já está no fim de carreira e comentou sobre sua "barriguinha". Galvão aproveitou e fez questão de lembrar da saliência do homem do apito a cada vez que falava sobre ele, inclusive o chamando de "gordinho" algumas vezes. "Juiz está mais gordinho que você quando apitou aquela final entre Itália e Alemanha, Arnaldo. Você também só 'roubava' na altitude, né?". "Não corria muito mesmo, só pegava os atalhos do campo", desviou o comentarista de arbitragem.

Fonte: Terra