Em disputa acirrada o time Chapecoense empata no fim com “mistão” do Santos

O duelo começou animado em Chapecó e o Santos não demorou para abrir o placar, apesar da equipe mista em campo.

A escalação de Enderson Moreira deixou claro: o foco do Santos é a Copa do Brasil, competição na qual a equipe disputa a primeira semifinal contra o Cruzeiro neste meio de semana. Com apenas quatro titulares em campo – os laterais Cicinho e Mena, o zagueiro David Braz e o atacante Gabriel -, o time misto santista deu trabalho e vencia a Chapecoense em Chapecó pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, mas levou empate por 1 a 1 já nos acréscimos do segundo tempo.


Ambos os clubes só retornam a campo pelo Campeonato Brasileiro no próximo fim de semana. Às 17h (de Brasília) do domingo, o Santos, que pega o Cruzeiro pela semi da Copa do Brasil no meio de semana, recebe o Inter na Vila Belmiro em duelo direto pelo G-4. No mesmo dia, a Chapecoense tem duelo complicado contra o Flamengo no Maracanã.

O duelo começou animado em Chapecó e o Santos não demorou para abrir o placar, apesar da equipe mista em campo. Aos 12min, o volante Souza cobrou escanteio e achou a cabeça de Bruno Uvini, que mandou para o fundo da rede. Apesar de mandante, a Chapecoense não conseguiu exercer a força vista em sua casa e sequer assustou os santistas nos primeiros 45 minutos.

Na segunda etapa, a Chapecoense teve o domínio da posse de bola, mas viu o Santos criar as principais chances. Em duas vezes, aos 12min e aos 29min, os paulistas pararam em boas intervenções do goleiro Danilo. A primeira chance da Chapecoense foi aos 38min, quando Fabinho Alves invadiu a área e chutou para grande defesa de Vladimir. Quando a partida já parecia encerrada, contudo, Fabinho Alves avançou pela direita, cruzou e o artilheiro Leandro completou para dar o empate ao time catarinense.

Fonte: Terra