Flamengo é derrotado por 1 a 0 e ouve gritos de 'time sem vergonha'

A equipe de Muricy chegou ao quarto jogo seguido sem vitória

O Flamengo segue na seca e agora vive um momento delicado. O time misto do Rubro-Negro foi derrotado pelo Volta Redonda, na noite deste sábado, na casa do adversário, por 1 a 0, pela terceira rodada da Taça Guanabara.

A equipe de Muricy chegou ao quarto jogo seguido sem vitória e também sem balançar a rede: já são 513 minutos sem gols de bola rolando.O resultado acabou com a paciência da torcida rubro-negra, que chamou o time de “sem vergonha”.

Do outro lado, Rafael Pernão saiu como o herói do jogo, por ter marcado o gol da vitória do Voltaço.Os dois times começaram o primeiro tempo partindo para o ataque e criaram algumas chances para balançar a rede. O Volta Redonda não se amedrontou diante do time da capital e esteve perto do gol. No entanto, faltou tranquilidade para colocar a bola no barbante.

O Flamengo também teve suas possibilidades, principalmente em jogadas individuais, de Ederson e Gabriel. Porém, assim como o ataque do Voltaço, a dupla rubro-negra ficou só no quase na primeira etapa.O Flamengo teve dificuldades para chegar à linha de fundo na primeira metade da partida. Por isso, Vizeu, que é bom cabeceador, teve poucas chances. Além disso, o time rubro-negro foi muito previsível em boa parte do tempo, facilitando a marcação dos donos da casa.

O segundo tempo começou bem movimentando, mas os times não conseguiam chegar tantas vezes na frente. O Flamengo melhorou quando apostou nas investidas pelo fundo do campo. Numa delas, Ederson quase marcou, mas o goleiro Mota defendeu bem, na melhor chance do jogo, até então.

A partida ficou morna por alguns minutos até que Felipe Vizeu, substituto de Guerrero, teve boa chance para marcar, mas mandou para fora, frustrando a torcida rubro-negra presente no Raulino de Oliveira.

O tempo foi passando e a paciência da torcida se esgotando. Com o 0 a 0 cada vez mais certo, os torcedores rubro-negros começaram a se manifestar negativamente e pediram “raça” ao time. O que já parecia ruim ficou ainda pior quando Niltinho foi ao fundo, na ponta esquerda de ataque do Voltaço, fez linda jogada e chutou rasteiro, em diagonal. Livre de marcação, Pernão apenas completou para o gol: 1 a 0 surpreendente. O time de Muricy ainda tentou o empate, no fim, mas sem sucesso. Após o apito final, funcionários do Volta Redonda entraram com uma bandeira no gramado, parecia até título.

FICHA TÉCNICA: VOLTA REDONDA 1 X 0 FLAMENGO

DATA/HORA: 26/3/16, às 18h30

LOCAL: RAULINO DE OLIVEIRA, VOLTA REDONDA (RJ)

ÁRBITRO: João Batista de Arruda (RJ)

AUXILIARES: Gabriel Viana (RJ) e Gilberto Stina (RJ)

CARTÕES AMARELOS: Bruno Barra, Niltinho, Hugo, Luan (Volta Redonda); César Martins (FLAMENGO)

CARTÕES VERMELHOS: Não houve

PÚBLICO E RENDA: 2.255 pagantes; 3.112 presentes; R$ 54.110,00

GOL: Rafael Pernão, 40'/2°T (1-0)

VOLTA REDONDA: Mota, Luís Gustavo, Luan, Maílson e Cristiano; Bruno Barra, Marcelo, Djavan (Niltinho, intervalo) e Vinícius Pacheco (Lopes, 37'/2°T); Hugo (Pernão, 26'/2°T) e Tiago Amaral. Técnico: Felipe Surian.

FLAMENGO: Paulo Victor, Rodinei, César Martins, Wallace e Chiquinho; Márcio Araújo, Arão e Ederson; Cirino, Gabriel (Alan Patrick, 26'/2°T) e Felipe Vizeu. Técnico: Muricy Ramalho.

Volta Redonda derrotou o Flamengo  (Crédito: Lance)
Volta Redonda derrotou o Flamengo (Crédito: Lance)


Fonte: Lance