Mesmo com grande número de desfalques, Atlético-MG vence Botafogo por 1 a 0

Mesmo com grande número de desfalques, Atlético-MG vence Botafogo por 1 a 0

O Atlético-MG não contou com Diego Tardelli, na Seleção Brasileira, além de Pierre, Josué, Maicosuel e Réver, machucados

Apesar do grande número de desfalques, o Atlético-MG conseguiu vencer o Botafogo e manter uma proximidade do G-4 do Campeonato Brasileiro. Em uma partida sem muitas emoções, os comandados por Levir Culpi contaram com uma expulsão do zagueiro Dankler logo no início do segundo tempo, fizeram 1 a 0 e saíram vitoriosos neste domingo, no Independência, em Belo Horizonte.

Com esse resultado, o clube mineiro soma 30 pontos e ocupa a sétima posição na tabela de classificação. Já o Botafogo fica em situação desconfortável, em 13º, com 22 pontos, mais perto da zona de rebaixamento do que do grupo de cima. As duas equipes entraram em campo com muitos desfalques.

O Atlético-MG não contou com Diego Tardelli, na Seleção Brasileira, além de Pierre, Josué, Maicosuel e Réver, machucados. Já o Botafogo não teve seus dois principais jogadores: Jefferson e Emerson. O goleiro também serve o Brasil, enquanto o atacante foi vetado pelo departamento médico. Sem muito entrosamento, as equipes pouco criaram no primeiro tempo da partida. Enquanto os mineiros forçavam as jogadas pela direita, nas costas de Junior César, o Botafogo tentava infiltrar pelo meio, mas sem muito êxito.

O lance mais perigoso do Atlético-MG aconteceu aos 18min, quando Marcos Rocha levantou na área e Carlos cabeceou no meio do gol, fácil para o goleiro Andrey fazer a defesa. Já o Botafogo chegou apenas aos 37min: após cobrança de escanteio, André Bahia desviou com perigo. Se para o Botafogo a partida já estava difícil, a situação ficou ainda mais complicada no primeiro minuto da etapa final. Dankler fez falta feia em Carlos, levou o segundo cartão amarelo e acabou expulso de campo. Com um homem a mais em campo, o Atlético-MG começou a se impor no jogo e conseguiu abrir o placar. Aos 25min, após cobrança de escanteio, Leonardo Silva subiu mais alto que todo mundo, cabeceou forte para marcar e decretar a vitória em casa. Na próxima rodada, o Atlético-MG visita o Corinthians, na quinta-feira (11), às 19h30, na Arena em Itaquera. Já o Botafogo manda a partida contra o São Paulo, na quarta-feira (10), às 22h, no Mané Garrincha, em Brasília.

Fonte: Terra