Peru despacha Bolívia com 3 de Guerrero e avança à semifinal

O camisa 9 balançou as redes três vezes e foi decisivo

Maior estrela peruana, Guerrero vivia um jejum de irritar qualquer atacante. Em três jogos na Copa América , o jogador sequer havia acertado uma finalização ao gol. No entanto, nesta quinta-feira, em Temuco, o novo atacante do Flamengo decidiu desencantar. Sorte do Peru. O camisa 9 balançou as redes três vezes e foi decisivo na classificação sobre a Bolívia por um placar de 3 a 1.

Agora, a seleção comandada pelo ex-palmeirense Ricardo Gareca enfrentará o Chile na semifinal da competição continental. Marcelo Moreno, em cobrança de pênalti, fez o de honra para os bolivianos. Guerrero, que já havia conseguido esse feito nesta temporada contra o Danubio, quando ainda vestia a camisa do Corinthians , encostou na lista dos maiores artilheiros de sua seleção. Com os três desta noite, ele chega aos 24, igualando Teodoro Fernández e ficando a dois de Teófilo Cubillas, ambos já aposentados.

A vitória coloca os peruanos na semifinal da competição, justamente contra os donos da casa, que na última quarta-feira avançaram após uma decisão tensa contra os uruguaios. Chile e Peru entram em campo por uma vaga na final na próxima segunda-feira, às 20h30 (de Brasília), no Estádio Nacional, em Santiago.Com um início arrasador, o Peru tomou a iniciativa desde o começo do primeiro tempo e não deu respiro aos rivais, atacando sempre com perigo pelo lado direito, aproveitando as participações de Farfán e Advíncula.

Guerrero, sempre dentro da área, era a referência. Depois de cinco escanteios seguidos e uma forte pressão, os peruanos abriram o placar. Porém, o lance, dessa vez, saiu pelo lado esquerdo. Vargas cruzou e Guerrero se antecipou para cabecear e marcar seu primeiro gol na Copa América. A Bolívia se desesperou e, ao tentar empatar, deixou espaços no setor defensivo, uma falha imperdoável. Dois minutos depois de marcar o primeiro, o Peru aproveitou um escanteio mal cobrado, saiu em contra-ataque rápido e Guerrero ampliou. Em desvantagem no placar, os bolivianos até conseguiram equilibrar a partida, com cobranças de falta de Smedberg, mas não conseguiram superar a segura atuação do goleiro Gallese.

Em desvantagem no placar, a Bolívia voltou do intervalo tentando se soltar mais na partida, porém, com muitas dificuldades técnicas, pouco assustavam os peruanos. Nervosos para conseguir criar jogadas ofensivas, os bolivianos erraram uma saída de bola e deixaram Guerrero na cara do goleiro. Outro erro fatal. Com muita calma, o agora flamenguista bateu firme e marcou seu terceiro. Apesar da eliminação já definida, Marcelo Moreno ainda descontou no placar, após cobrança de pênalti no final do segundo tempo.


Image title

Image title

Image title

Fonte: Terra