Jejum de vitórias do River Atlético Clube deixa Flávio Araújo incomodado

No empate em 0 a 0 contra o 4 de Julho em Piripiri, no sábado passado, o time riverino foi melhor e chegou a pressionar, mas não conseguiu balançar as redes, para tristeza do torcedor

O segundo empate do River Atlético Clube no campeonato piauiense desapontou não só a torcida, mas também o técnico Flávio Araújo. O comandante falou sobre o desempenho do time nas duas primeiras partidas do estadual.

“Por mais que respeitemos os nossos adversários, esperávamos ter saído vitoriosos nesses dois jogos. O fato de ainda não termos vencido incomoda, mas vamos continuar trabalhando para que a história seja diferente no próximo domingo”, disse Flávio, referindo-se ao próximo compromisso do River, contra o Parnahyba, em Teresina.

No empate em 0 a 0 contra o 4 de Julho em Piripiri, no sábado passado, o time riverino foi melhor e chegou a pressionar, mas não conseguiu balançar as redes. Na ocasião, os atletas reclamaram do gramado (encharcado pela chuva) e também da arbitragem.

“Nós soubemos impor nosso ritmo e dominamos o jogo, com posse de bola de 65 a 70%, mas infelizmente as chances criadas não foram convertidas em gol. São coisas do futebol”, complementou o treinador tricolor.

No jogo do Ytacoatiara, Flávio Araújo promoveu a estreia do recém, contratado atacante Netinho. “Ele entrou faltando 15 minutos para o fim da partida e teve uma participação importante no jogo. Com um pouco mais de entrosamento, tem chances de começar jogando”.

O próprio Netinho falou sobre sua primeira partida. “Atacamos bastante, e só não foi melhor porque não saímos com a vitória. Mas agora é trabalhar para fazer um bom jogo contra o Parnahyba”, disse o atleta.

 

Fonte: Dowglas Lima