“Para nós, é uma final”,diz Amarildo sobre clássico River e Fla-PI

River está em fase final de preparação para enfrentar o Fla-PI

O River está em fase final de preparação para enfrentar o Flamengo/PI no próximo domingo (17), pela terceira rodada do segundo turno do Piauiense 2015.


Image title


O clima no CT Afrânio Nunes é de tranquilidade, principalmente pelo fato de que o período das suspensões e lesões deu uma aliviada no poleiro do Galo. Apenas Fabinho não treinou ontem, poupado por conta de um problema na coxa.

Quem não jogou contra o Parnahyba quer voltar com tudo para o clássico contra os rubro-negros. O zagueiro Índio, que ficou de fora do empate contra a equipe azulina por conta de uma contratura no músculo posterior da coxa esquerda, mostrou expectativa para voltar a atuar na zaga riverina que, aliás, é a melhor da competição. São apenas dois gols sofridos, e a equipe está há sete jogos sem tomar gol.

“O Flamengo tem uma bela equipe, com jogadores de qualidade. Vamos tentar neutralizar o ataque deles e fazer uma boa partida”, disse Índio. Além dele, Paulo Paraíba também volta a compor a zaga, depois de cumprir suspensão por cartões.

O meia Thiago Marabá e o volante Amarildo também cumpriram suspensão. Para este último, o duelo equilibrado exige atenção redobrada de ambas as equipes. “Eles vão ter que tomar os mesmos cuidados que a gente.

O ataque do Flamengo é rápido, mas o nosso também é. Nosso time tem jogadores de qualidade, que podem decidir a partida a qualquer momento. Estamos encarando este jogo como uma final”, resumiu o volante, garantindo que vai estar “130% pronto” para o jogo.

Plenamente recuperado da lesão na canela esquerda, o atacante Eduardo vem treinando normalmente com a equipe. Homem de referência na equipe, ele quer ajudar o time a manter o foco com sua liderança em campo.

“No futebol, o ideal é haver a junção da experiência com a juventude. Precisamos nos concentrar o máximo possível, cadenciar o jogo no momento certo e partir com velocidade quando for necessário, para tentar buscar o gol”. Além dele, Esquerdinha também recuperou-se de contusão.

River e Flamengo/PI estão empatados com sete pontos, mas os rubro-negros estão na liderança por conta do saldo de gols. Ciente de que o Clássico vale a liderança isolada, o técnico Flávio Araújo prevê um desafio para o elenco riverino.

“Temos a consciência de que vai ser um jogo muito mais difícil que o Rivengo do primeiro turno. O empenho e o rendimento - físico, técnico e tático - serão fundamentais”, avisou o técnico.

Os ingressos para o Rivengo já estão sendo vendidos desde ontem. Os preços são os seguintes: R$ 20,00 (arquibancada do placar), R$ 30,00 (arquibancada das cabines de imprensa) e R$ 50,00 (cadeira). Estudantes e idosos têm direito a meia-entrada.

Hoje, os ingressos podem ser adquiridos no Estádio Lindolfo Monteiro, no Estádio Albertão e na Federação de Futebol do Piauí, nos turnos da manhã e da tarde. Já amanhã, a venda na sede da Federação irá até o meio-dia.

Flávio avalia grupo para escalar time titular do Rivengo

A semana do River está sendo intensa, com treinos que devem definir a equipe que vai enfrentar o Flamengo no próximo domingo. O treinador Flávio Araújo tem pela frente a missão de armar uma estratégia para vencer o maior adversário do Galo, neste segundo confronto do ano. O Rivengo acontece às 17h, deste domingo, no Estádio Albertão.

Hoje, o time faz seu último treino técnico, quando Flávio Araújo define as peças que entram em campo diante do Flamengo no domingo. Enquanto isso, as dúvidas pairam na escalação do Galo, já que durante o treino da última terça-feira, o atacante Fabinho sentiu a coxa e está em tratamento no Departamento Médico do clube.

Se antes o ataque foi formado por Fabinho e Raphael Freitas na ausência de Eduardo, que estava no DM, neste próximo domingo a dúvida pode ser a escalação de Fabinho, já que Flávio conta com o retorno de Eduardo. Na defesa, o goleiro Naylson continua ausente e tudo indica que Dalton seja o substituto para o clássico Rivengo.

Caso seja o escolhido, o arqueiro se diz preparado para a sua estreia oficial no clássico. "A expectativa é natural.

Sempre quando vai ser uma estreia, com qualquer time sempre vai ter o frio na barriga. A expectativa é sempre boa, gera uma concentração maior quando é um clássico, uma responsabilidade maior e não tem nenhum problema. A gente vai estar preparado para fazer o melhor", disse Dalton.

Flávio Araújo avalia que este clássico será mais difícil ainda, já que as duas equipes disputam a liderança do returno. "Vai ser crucial o empenho e rendimento, que precisa ser muito maior dentro de campo.

O atleta tem que ter um equilíbrio emocional principalmente em jogos decisivos, clássicos. Com concentração e foco tem que ser em fazer um grande jogo individualmente e coletivamente", avaliou.

O treinador do Galo ainda não definiu quem joga de titular, mas revela que está tranquilo para esta rodada, já que tem todo o seu grupo à disposição, a exceção do atacante Fabinho, que está sendo avaliado pelo DM.



Fonte: Dowglas Lima