Galo se recupera e vence Goiás

O Atlético-MG começou melhor a partida, pressionando e usando a velocidade de seus atacantes, Diego Tardelli e Éder Luís

Pressionado para conseguir um resultado positivo depois de ter perdido para o Fluminense na última rodada, o Atlético-MG foi na tarde deste domingo ao Estádio Serra Dourada e, em jogo movimentado, venceu o Goiás por 3 a 2. Dessa maneira, o time mineiro segue vivo na disputa pelo título nacional. Foi a segunda derrota seguida do Goiás, que havia perdido para o Palmeiras no meio da semana. Ricardinho, Éder Luís e Diego Tardelli marcaram para o mineiros; Júlio César e Leandro Euzébio anotaram para o Goiás.

O Atlético-MG começou melhor a partida, pressionando e usando a velocidade de seus atacantes, Diego Tardelli e Éder Luís. O meia Ricardinho era o responsável pela armação das principais jogadas do time mineiro. O Goiás, por sua vez, buscava se defender e não mostrava opções para a saída de bola, o que deixou a equipe muito recuada e acuada pelo adversário.

Aos 14min, o Atlético-MG abriu o placar. Diego Tardelli cruzou rasteiro da esquerda e o goleiro Harlei falhou no corte. Ricardinho apareceu por trás e empurrou para as redes, marcando seu primeiro gol com a camisa do time de Belo Horizonte.

Logo em seguida, aos 16min, quase o artilheiro Tardelli fez o dele. O atacante recebeu em posição legal, partiu sozinho em direção ao gol, mas adiantou demais a bola e o goleito Harlei conseguiu sair e interceptar a jogada.

A configuração da partida não mudou e o Atlético-MG não demorou a ampliar a vantagem. Aos 20min, Ricardinho levantou a bola na área e Thiago Feltri ajeitou de cabeça. Éder Luís fechou na segunda trave e completou para fazer seu 11º gol no Campeonato Brasileiro.

Mesmo com a equipe visitante melhor, o Goiás conseguiu uma surpreendente ração ainda antes de terminar o primeiro tempo. Em apenas cinco minutos, a equipe do treinador Hélio dos Anjos fez dois gols e buscou o empate.

O primeiro saiu aos 41min, quando Júlio César acertou um lindo chute de fora da área no ângulo do goleiro Carini. O segundo, apenas três minutos depois, saiu quando Leandro Euzébio dominou fora da área e bate no canto direito de Carini. A bola entrou devagar, selando o empate e dando termo aos primeiros 45min de jogo.

Na segunda etapa, já aos 7min, as coisas se complicaram para o Goiás. O zagueiro Ernando derrubou Alessandro na ponta direita e recebeu o segundo amarelo, sendo expulso de campo e deixando o time mandante com um a menos.

A superioridade numérica converteu-se em pressão atleticana. Aos 21min, Thiago Feltri penetrou na área e Leandro Euzébio chegou trombando no ala. O arbitrou apitou pênalti, convertido por Diego Tardelli, com direito a paradinha que deixou o goleiro Harlei no chão.Foi o 18º gol do atacante, artilheiro isolado do Brasileiro.

Depois do gol, o Goiás teve mais posse de bola, mas pouco conseguiu criar com um jogador a menos em campo. A equipe parou na marcação do Atlético-MG, que apenas administrou a vitória para conquistar importantes três pontos.

Com a vitória, o Atlético-MG permanece vivo na briga pelo título, com 56 pontos, na terceira colocação na tabela. Já o Goiás, vê a vaga na Libertadores cada vez mais longe e cai para a 9º posição, com 47 pontos. Na próxima rodada o Atlético-MG recebe o Flamengo. Já o Goiás visita o Atlético-PR.

Fonte: Terra, www.terra.com.br