Galvão tenta descontrair, mas Luxa fica emburrado durante programa

Sorridente, Galvão soltou a primeira pérola logo no começo e tentou “animar” Luxemburgo, que foi demitido do Fluminense

Bom humor não faltou a Galvão Bueno em seu retorno ao Bem Amigos!, que aconteceu nesta segunda-feira. Afastado durante um período, quando Luis Roberto assumiu a atração, o narrador voltou distribuindo piadas e ironizando até mesmo os convidados, o técnico Vanderlei Luxemburgo e a dupla sertaneja Chitãozinho e Xororó.


Galvão tenta descontrair, mas Luxa fica emburrado durante programa

Sorridente, Galvão soltou a primeira pérola logo no começo e tentou ?animar? Luxemburgo, que foi demitido do Fluminense poucas horas antes de participar do programa. No entanto, a brincadeira soou um tanto estranha e pareceu até mesmo uma ironia com a situação do treinador.

?Eu estou vendo com uma carinha triste, estranha. Tô vendo que hoje tem coisa?, disse o narrador antes de fazer uma série de elogios ao convidado. As constantes brincadeiras de Galvão com Luxa e os demais convidados não arrancaram um sorrisinho sequer do treinador, claramente incomodado em sua primeira entrevista como ex comandante do Flu.

Em seguida, Galvão não perdoou nem mesmo Chitãozinho e Xororó. Animado com a presença da dupla sertaneja, o apresentador brincou com a aparência de Xororó.

?O Xororó está mais ajeitado que você, ele está lisinho?, afirmou, arrancando gargalhadas de todos os convidados da atração.

Vanderlei Luxemburgo seguiu ?emburrado"" durante todo o programa, fazendo também algumas críticas aos clubes brasileiros que trocam constantemente de técnicos. Luxa ainda viu o anúncio, feito cheio de dedos por Galvão Bueno e Joanna de Assis, de que Dorival Júnior havia sido contratado pela sua ex-equipe, o Fluminense.

Apesar do esforço dos comentaristas do programa com elogios, a grande defesa a Luxemburgo veio de um ?intruso"", o apresentador e humorista Jô Soares, que mais uma vez chegou sem aviso ao estúdio, no meio do programa, e ficou até o final. Jô ressaltou que a culpa pela má fase do Flu não era do veterano comandante.

?Como em teatro, um grande diretor sem um bom elenco não resolve. Qualquer que seja o tipo de montagem que ele faça. Futebol não tem milagre, você é campeão um ano e no ano seguinte não tem mais o time. Aí o que é que tem? Vamos chamar o técnico que resolve. Quando o Vanderlei foi contratado, com todo respeito, eu achava que não ia adiantar nada, não dá para fazer milagre"", avaliou o apresentador.

Fonte: UOL