Ganso evolui e já anda sem as muletas

Ganso evolui e já anda sem as muletas

Ganso está animado com a evolução de sua recuperação

O meia Paulo Henrique Ganso segue a rotina de recuperação da cirurgia realizada no joelho esquerdo, por conta do rompimento do ligamento cruzado anterior do local. O jogador já consegue andar sem o auxílio de uma das muletas (a que apoiava a perna esquerda) e tem se mostrado bastante animado no CT Rei Pelé com a boa evolução que o seu quadro clínico vem apresentando.

A previsão é que no final do mês, o camisa 10 - que operou o joelho no dia 28 de agosto, no Hospital Albert Eistein, em São Paulo - também possa andar já sem a ajuda da muleta do lado direito, voltando a caminhar normalmente e dando início a outro parte do tratamento, visando sua plena recuperação.

Seguindo o cronograma traçado pelo departamento médico santista, Paulo Henrique dará sequência ao tratamento fisioterápico no Cepraf (Centro de Excelência em Prevenção e Recuperação para Atletas de Futebol) e, a partir do terceiro mês, estará liberado para correr em linha reta, na esteira. No quarto mês, o jogador poderá trabalhar a corrida com mudança de direção.

Depois desse período para ativar os ligamentos, Ganso poderá, no quinto mês, finalmente correr em volta do gramado. Essa é considerada a parte final do processo de recuperação. Isto porque, a partir daí, o meia deverá estar liberado para treinamentos com bola, antes de fazer os seus últimos preparativos para voltar a jogar.

Fonte: Terra, www.terra.com.br