"Goleiro poderia ter dado uma ajuda a Ronaldo", diz Neymar

Os 22 atletas convocados para a Copa América se reapresentarão no próximo dia 20 de junho, no Rio de Janeiro

Ronaldo se despediu da Seleção Brasileira sem balançar as redes da Romênia, na vitória por 1 a 0 da equipe nacional, em amistoso disputado na noite desta terça-feira, no Pacaembu. Os três gols perdidos motivaram um pequeno sentimento de frustração na festa de despedida do eterno camisa 9. Neymar, um dos mais animados no duelo, lamentou o bom trabalho do goleiro Tatarusanu, que impediu, pelo menos, dois gols do ex-atacante.

"O Ronaldo tentou três vezes e o goleiro poderia ter dado uma ajuda. Ele tentou, e foi muito bem. Nosso time impôs um jogo, criando muitas chances de gol, falta concluir com precisão", discursou Neymar, na zona mista após a vitória sobre a Romênia.

As palavras de Neymar não repercutiram nas arquibancadas do Estádio do Pacaembu. Depois do final do jogo da noite desta terça, parte do público presente no Estádio do Pacaembu vaiou a equipe, de uma forma menos intensa do que ocorreu no último sábado, em Goiânia, quando o Brasil ficou em um empate sem gols com a Holanda.

A análise positiva de Neymar, no entanto, acabou apoiada por outros membros do elenco, como Robinho. "Criamos bastante, mas não fizemos os gols. Levamos para a Copa América um melhor entrosamento, grandes jogadas, criamos bastante, precisamos concluir melhor. Foi o último jogo antes da Copa América, agora é descansar para nos apresentarmos da melhor forma", discursou o atacante do Milan.

Os 22 atletas convocados para a Copa América se reapresentarão no próximo dia 20 de junho, no Rio de Janeiro. A estreia do Brasil na competição sul-americana está marcada para 3 de julho, contra a Venezuela, em La Plata.



Fonte: Terra