""Gordinhos"", Ronaldo e Adriano se preparam para o duelo de pesos pesados

""Gordinhos"", Ronaldo e Adriano se preparam para o duelo de pesos pesados

Técnico do Corinthians fala sobre o encontro do Fenômeno com o Imperador

Duas estrelas. Dois craques com história na seleção brasileira. Dois atacantes fatais. Duas celebridades do futebol, cercados de idolatria e polêmicas. Dois ?gordinhos?. Enfim, Ronaldo e Adriano se enfrentarão com as camisas de Corinthians e Flamengo, respectivamente. A espera foi grande, sim, mas o reencontro será em grande estilo.

Se no Campeonato Brasileiro do ano passado o duelo entre o Fenômeno e o Imperador foi adiado, o destino reservou um palco internacional para esse show: a Taça Libertadores da América. E logo de cara, nas oitavas de final. Não à toa o técnico do Timão, Mano Menezes, nomeou o encontro como uma luta de pesos pesados.

- É um enfrentamento pesado, de dois pesos pesados do futebol. Tenho certeza que cada um vai fazer o melhor pelo seu clube. E, como sempre, vai se classificar o time que errar menos ? declarou o corintiano. No primeiro turno do Nacional de 2009, Ronaldo estava com a mão quebrada. No segundo, Adriano com o pé queimado.

No entanto, os números dos atacantes na Taça Libertadores mostram que o corintiano tem superado melhor o problema com o peso. Dos seis jogos do Timão na fase de grupos, Ronaldo participou de cinco, marcando dois gols. Já Adriano esteve em campo apenas três vezes pelo Flamengo, balançando as redes uma única vez, na estreia.

Talvez por isso o técnico Mano Menezes veja o Corinthians mais dependente do Fenômeno do que o Flamengo do seu Imperador.

- Acho que precisamos mais do Ronaldo (do que o Flamengo do Adriano). E estamos trabalhando intensamente para que a má fase acabe até quarta-feira. Estou com bom pressentimento ? falou Mano. O técnico determinou esta semana uma carga maior de treinamentos para o camisa 9. Até por isso o poupou do jogo com o Medellín.

Fonte: Globo Esporte