GP da Turquia pode ser "ponto de virada" para Felipe Massa nesta temporada da Fórmula 1

GP da Turquia pode ser "ponto de virada" para Felipe Massa nesta temporada da Fórmula 1

Além da "afinidade" com o circuito desafiador de Istambul, situação de pontos ajuda

No ano passado, Felipe Massa foi sexto colocado no GP da Turquia, depois de somar três vitórias seguidas no circuito de Istambul; o brasileiro tem três vitórias das cinco edições da F-1 disputadas naquele país, a partir de 2005

Da mesma forma que em Interlagos, a Fórmula 1 corre o GP da Turquia no circuito de Istambul no sentido anti-horário, o que é raro na categoria. Talvez essa característica tenha ajudado o paulista Felipe Massa a vencer três vezes naquele autódromo ? em 2006, 2007 e 2008. O piloto até chegou a brincar, dizendo que já merecia ganhar um passaporte turco pela façanha. E daqui a duas semanas, em 30 de maio, será lá que Massa, da Ferrari, terá ótima chance de dar nova virada em sua participação na temporada, que até chegou a liderar mas que agora o mantém em quinto lugar no geral.

O autódromo de Istambul Park, projeto com alto grau de dificuldade de pilotagem de autoria do alemão Hermann Tilke, foi construído em um ano e teve em seu primeiro GP, em 2005, a vitória do finlandês Kimi Raikkonen, da McLaren, depois de muitas rodadas nos treinos. Nos três anos seguintes, Felipe Massa dominou a prova, que até então só foi vencida pelo mesmo piloto que havia feito a pole position.

Foi no ano passado que o inglês Jenson Button, coma Brawn GP, quebrou o tabu, deixando para trás o alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, que havia sido primeiro na classificação. Felipe Massa terminou em sexto.

A situação agora, em 2010, mostra o brasileiro retomando a linha ascendente. Ele havia assumido a liderança da F-1 em 4 de abril, em Sepang, quando terminou o GP da Malásia em sétimo lugar. Caiu na sequência e neste domingo (16), subiu de oitavo para quinto na classificação geral.

Sobre o circuito de Istambul, Massa foi claro depois desse GP de Mônaco.

- É um circuito que eu adoro.

Ele também gostou do desempenho do carro da Ferrari na corrida, mesmo sem muitas chances de conseguir mais do que o quarto lugar, que assegurou.

Depois da dobradinha da Red Bull em Mônaco, o brasileiro disse que o australiano Mark Weber e Sebastian Vettel, líder e vice-líder da temporada no momento, têm sido muito fortes em todo tipo de circuito agora em 2010. Por isso, espera que a semana de trabalho da Ferrari consiga, principalmente com ajustes na parte aerodinâmica, fazer com que o carro ganhe ainda mais velocidade.

O circuito, que tem a pista em quatro níveis de altura, explicam os pilotos, conta em seu desenho com quatro ?pernas? e é impossível fazer qualquer delas ?flat? - com o pé embaixo direto. É necessário aliviar e acelerar, o que exige técnica ? outro diferencial trazido de volta nesta temporada (o próprio alemão Michael Schumacher, agora na Mercedes, admitiu dificuldades com a menor automatização dos carros de 2010). Esse aspecto ? pilotagem mais técnica ? é bom para Massa.

E, além da ?afinidade? com o Istambul Park, um circuito que desafia o piloto, o brasileiro ainda conta com o novo sistema de pontuação da F-1 para 2010, onde o vencedor leva 25 pontos e até o décimo colocado leva 1.

Mark Webber está na liderança com 78 pontos, assim com Sebastian Vettel, o vice-líder. O terceiro colocado, o espanhol Fernando Alonso, companheiro de Massa na Ferrari, tem 75, contra 70 do inglês Jenson Button, da McLaren. Felipe Massa vem a seguir, com 61. Com uma vitória, chega a 86. Pode ser um bom começo de virada, ainda antes do meio do ano.

Fonte: r7