Grêmio se coloca em uma zona privilegiada e vê "inveja" para G-4

Luxa mantém meta de ser vice-líder, mas usa situação das outras equipes no Brasileirão para valorizar atual posição, já praticamente garantida

Bezerra da Silva escreveu num de seus tantos versos: "a inveja é a arma dos incompetentes". Mas o Grêmio mostra que esse sentimento também pode servir, mesmo que indiretamente, como arma aos que fazem bem o seu trabalho. Após a vitória do sábado diante da Ponte Preta, o time de Vanderlei Luxemburgo praticamente cavou de vez seu espaço entre os quatro melhores que, em tese, irão à Libertadores de 2013. E uma das maneiras de valorizar esse feito é exatamente a certeza de que outros 16 clubes cobiçam essa posição.

- Se fala muito que entrar na fase primeira da Libertadores é muito ruim. É melhor na segunda. Eu vou fazer uma pergunta. Hoje estamos em terceiro. Quantos times não estão e gostariam de estar no nosso lugar? Para poder disputar a Libertadores. É do c... entrar na Libertadores. Depois, vamos ver o que vai acontecer. Tem muita gente com inveja da gente e gostariam de estar como estamos. Quero causar inveja aos 17 ou 16 times que não estão na posição.

O discurso de Luxa não significa acomodação. O técnico garante que o Grêmio ainda busca a vice-liderança para escapar da fase preliminar da Libertadores e entrar diretamente na etapa de grupos. No entanto, entende que é necessário valorizar a longeva passagem do clube pelo G-4. Afinal, são 26 rodadas entre os quatro melhores, sendo 24 delas de forma consecutiva.

A vitória deste sábado deixou o Grêmio a um ponto do Atlético-MG, o segundo colocado. O Galo joga neste domingo, fora de casa, diante do Coritiba. Mesmo que não consiga ser vice já nesta rodada, o time de Luxa tem a chance de comemorar a classificação à Libertadores via G-4 já neste fim de semana.

Para tanto, tem que torcer por derrotas de Vasco, Botafogo e Inter. Caso contrário, basta uma vitória no próximo domingo contra o São Paulo, no Olímpico (lembrando que a quarta vaga pode sumir, se um brasileiro vencer a Sul-Americana, no caso, ainda estão na briga exatamente Grêmio e São Paulo).

- Se o Grêmio entrar na primeira fase, é so qualificar a pré-temproada. Entender o que vai acontecer. Já passei por isso - antecipa-se Luxemburgo, lembrando seu exemplo com o Flamengo, no início dessa temporada.

O Grêmio folga neste domingo e também na segunda-feira. Volta aos treinamentos na terça, de olho no confronto direto com o São Paulo, no domingo.

Fonte: GloboEsporte.com