Grêmio vence Santos, embala e mira vaga na Libertadores

Atuando de forma ofensiva, o Grêmio pressionava o adversário já no início da partida

Em jogo atrasado da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Grêmio recebeu o Santos no Estádio Olímpico, nesta quarta-feira, e venceu por 1 a 0. Com o resultado, a equipe gaúcha chega à sua terceira vitória consecutiva (antes havia vencido Avaí e Cruzeiro), sobe para o nono lugar na tabela e, com 39 pontos, fica cinco atrás do Fluminense, que é o último time na zona de classificação para a Libertadores. Já a equipe paulista sofre sua terceira derrota seguida, estaciona nos 35 pontos e continua na 13ª posição.

Atuando de forma ofensiva, o Grêmio pressionava o adversário já no início da partida. Assim, a equipe gaúcha inaugurou o placar com Brandão logo aos 9min. Em vantagem, o time mandante seguia melhor no confronto, sobretudo devido à boa atuação do trio Escudero, Marquinhos e Douglas (os dois últimos, inclusive, participaram da jogada do gol gremista).

Com o tempo, o Santos equilibrou o jogo e passou a criar diversas chances para empatar, principalmente, com boas jogadas individuais. Assim como os visitantes, o Grêmio também levava perigo à meta adversária, porém o duelo foi para o intervalo com apenas um gol no marcador.

Na etapa final, o jogo seguiu movimentado e com as duas equipes criando oportunidades de marcar, principalmente os gremistas, que viam o goleiro Rafael fazer grande partida. No final do confronto, os visitantes ainda esboçaram uma pressão, mas não conseguiram evitar a derrota.

As duas equipes voltam a jogar pelo Brasileiro no próximo final de semana.O Grêmio visitará o Coritiba, no Couto Pereira, às 18h (de Brasília) de sábado. Um dia depois, o Santos fará clássico com o Palmeiras, na Vila Belmiro, às 16h.

O jogo

Embalada no Nacional, a equipe gaúcha iniciou a partida marcando no campo de ataque e pressionando o adversário. Dessa forma, logo aos 4min já criou uma boa chance de gol quando Marquinhos recebeu passe na área, tocou de calcanhar e Brandão concluiu nas mãos de Rafael. Três minutos depois, o próprio Brandão teve grande chance, mas desperdiçou. O atacante foi lançado em profundidade completamente livre, mas na hora de fintar o goleiro adversário, acabou perdendo a posse de bola.

Em ritmo acelerado, o Grêmio seguia dominando o confronto e, aos 9min, a equipe abriu o marcador.Douglas foi acionado na área e chutou para grande defesa de Rafael. No rebote, Marquinhos levantou e Brandão tocou de cabeça para as redes.

Após o gol, a equipe tricolor continuava melhor no duelo e quase ampliou na sequência. Aos 13min, Escudero fintou marcador na área, arrematou cruzado e o arqueiro adversário interviu com a perna. Um minuto depois, Marquinhos finalizou do bico da grande área e mandou rente à trave direita.

Com o tempo, o clube paulista saiu mais para o jogo e a partida ficou agitada. As duas equipes jogavam com velocidade e alternando investidas no campo de ataque. Aos 16min, Ibson aproveitou boa jogada de Alan Kardec e finalizou ao lado da meta, perdendo boa oportunidade. Os dois, inclusive, ainda fariam um bom lance individual cada, porém não obtiveram sucesso no momento da conclusão.

Aos 36min, Alan Kardec recebeu passe na área, concluiu rasteiro e Victor fez boa defesa. Um minuto depois, Mário Fernandes avançou bem pela direita, deu um chapéu em Léo e chutou cruzado. Brandão não alcançou e a bola saiu pela linha de fundo. Assim, apesar das boas chances criadas por ambos os lados, o placar não foi mais alterado até o fim da primeira etapa.

Na volta do intervalo, o confronto continuava bastante movimentado e com as duas equipes assustando a meta adversária, sobretudo os gaúchos. Enquanto a equipe alvinegra pecava na hora da conclusão, o time gaúcho parava na grande atuação do goleiro Rafael.

Aos 4min, Escudero recebeu na entrada da área, fintou Edu Dracena e chutou forte para boa intervenção de Rafael. Dois minutos depois, Elano respondeu com uma finalização por cima do alvo. Aos 9min, Douglas cobrou falta e o arqueiro santista fez outra grande intervenção. Na sequência, Júlio César chutou e viu Rafael defender.

Em bom momento no Brasileiro e jogando diante de sua torcida, o Grêmio seguia mais perigoso em campo. Porém, não conseguia superar o goleiro Rafael. Já no final do duelo, o Santos (que viu Elano se machucar e dar lugar a Henrique aos 25min) buscou sair mais para o campo de ataque, porém não foi o suficiente para conseguir o empate.

Ficha técnica

GRÊMIO 1 x 0 SANTOS

Gols

GRÊMIO:

Brandão, aos 9min do 1º tempo

GRÊMIO: Victor; Mário Fernandes, Edcarlos, Rafael Marques e Júlio César; Fernando, Fábio Rochemback, Marquinhos (Gilberto Silva), Douglas e Escudero (Miralles); Brandão (André Lima)

Treinador: Celso Roth

SANTOS: Rafael; Danilo, Edu Dracena, Durval e Léo; Adriano, Arouca, Ibson (Renteria) e Elano (Henrique); Alan Kardec e Borges

Treinador: Muricy Ramalho

Cartões amarelos

GRÊMIO: Júlio César, Douglas e Escudero

SANTOS: Danilo, Edu Dracena, Léo, Arouca, Ibson e Borges

Árbitro

Pablo dos Santos Alves (ES)

Local

Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)



Fonte: Terra