Grupo dono de 52% dos direitos desiste de levar Dedé ao Corinthians

O DIS, no entanto, não desistiu do negócio

O grupo DIS, dono de 52% dos direitos econômicos de Dedé, jogou a toalha: não vai mais tentar levar o zagueiro para o Corinthians neste momento. A decisão foi tomada ontem por executivos da empresa. Perceberam que o Vasco continuaria irredutível, negando vender os 45% dos direitos que o pertencem. Além disso, a ideia de Dedé forçar sua saída foi rechaçada --o zagueiro não quis entrar em atrito com a torcida e a diretoria.

Tempo ao tempo: O DIS, no entanto, não desistiu do negócio. Vai tentar acertar a ida de Dedé para o Corinthians na janela de transferências do meio do ano. Deverá propor os mesmos ? 4,5 milhões (R$ 11,7 milhões) que ofertou agora ao Vasco para adquirir a parte do clube.

Escanteio: Uma transferência de Dedé para o futebol internacional não é descartada, mas também é considerada complicada de ser viabilizada. Os investidores acreditam que dificilmente o atleta conseguirá ficar em grande evidência no primeiro semestre, já que seu time atual não disputa a Libertadores.

Fonte: Folha