Hamilton molha câmeras com seu jet ski e faz Mercedes pagar R$ 307 mil

Hamilton, ao fazer uma manobra em Mônaco, molhou propositadamente as câmeras de fotógrafos

Lewis Hamilton causou um burburinho nesta quarta-feira com seu cachorro, Roscoe, nos bastidores do Grande Prêmio de Mônaco de Fórmula 1. O piloto caminhou com o buldogue pelo paddock, colocou o animal no ?volante? da Mercedes e também o levou para um passeio de jet ski que teria custado caro à equipe alemã.

Segundo publica o jornal suíço Blick, Hamilton, ao fazer uma manobra em Mônaco, molhou propositadamente as câmeras de fotógrafos e cinegrafistas que acompanhavam sua performance no jet ski. Muitos telefones celulares dos profissionais de imprensa também acabaram ensopados.

De acordo com o diário, a Mercedes pediu desculpas à imprensa e pagou aos veículos de comunicação cerca de US$ 150 mil (R$ 306,75 mil) para cobrir eventuais danos causados nos aparelhos.

A apresentação de Hamilton no jet ski era um evento aberto à cobertura da mídia. O britânico atendeu os jornalistas na quarta-feira e disse que o GP de Mônaco representa sua principal chance de vencer em 2013. O raciocínio é amparado pelas dificuldades em se ultrapassar na pista e pelo domínio estabelecido pela Mercedes em voltas rápidas.

A equipe conquistou a pole position das três últimas etapas da F1 (China, Bahrein e Espanha), mas não conseguiu ainda nenhuma vitória no ano devido ao alto desgaste dos pneus nas corridas. O melhor resultado do time foi o terceiro lugar, obtido pelo próprio Hamilton na Malásia e na China.

A quarta-feira em Mônaco foi bastante movimentada para Roscoe, ao lado do qual Hamilton foi fotografado várias vezes durante o dia. O piloto comprou o cachorro, da raça buldogue, em dezembro passado, e depois pediu ao britânico Bernie Ecclestone, chefe comercial da categoria, que uma credencial VIP fosse dada para o animal poder frequentar o paddock. O piloto teve o desejo atendido e desde então tem levado o cão às provas realizadas na Europa.



Fonte: Terra