Ida de Adriano para a Roma está 99% certa

Clube italiano vai incluir no contrato uma cláusula para se proteger de deslizes do Imperador

O atacante Adriano tem a transferência 99% definida para a Roma. Segundo o jornal italiano Corriere dello Sport, o Imperador disse a amigos próximos que vai retornar à Europa no segundo semestre.

A publicação afirma que observadores da Roma observaram o Imperador nos últimos meses. A única dúvida são suas atitudes inconstantes. Porém, para se proteger de possíveis deslizes do centroavante (como ausências em treinos tanto no Flamengo como na época da Inter de Milão), a Roma pretende incluir uma cláusula especial no contrato. A favor de Adriano pesam sua ótima média de gols no Flamengo (quase um por jogo) e a indicação do zagueiro brasileiro Juan, da seleção brasileira e que também defende a equipe italiana.

A expectativa dos representantes da Roma é voltar à Itália no próximo sábado com o contrato assinado, mas ainda sem Adriano. O clube tem pressa em fechar com o atacante, que tem propostas de outras equipes, segundo confirmou seu empresário, Gilmar Rinaldi.

O clube deve propor um salário de R$ 8 milhões (? 3,5 milhões por) ano e três anos de vínculo. Adriano quer R$ 10,2 milhões (? 4,5 milhões) e uma temporada a mais de contrato.

Adriano deve ser o segundo brasileiro a reforçar a Roma, atual vice-campeã italiana, na próxima temporada. O volante Fábio Simplício, ex-São Paulo e Palermo, foi a primeira contratação da equipe italiana.

A chegada de Adriano deve motivar a saída do centroavante Luca Toni da Roma, que interessa ao Napoli, também da Itália.

Adriano é desfalque certo para o clássico contra o Fluminense na noite desta quarta-feira (26), às 19h30 (no horário de Brasília), no Maracanã, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

Fonte: R7, www.r7.com