Jogador da Itália sofre trauma encefálico e é levado a hospital

Jogador da Itália sofre trauma encefálico e é levado a hospital

Abate, que já foi cortado da delegação para o restante do torneio, está com um trauma encefálico considerado leve

O lateral direito Abate, da seleção italiana, foi levado a um hospital de Salvador, na noite deste sábado, após a derrota por 4 a 2 para o Brasil, pela Copa das Confederações.

Abate, que já foi cortado da delegação para o restante do torneio, está com um trauma encefálico considerado leve e já passou por uma ressonância magnética no Hospital São Rafael, segundo informações de dentro do local.

Por volta das 21h30, Abate foi liberado.

O São Rafael é uma das cinco unidades médicas credenciadas pela Fifa para atender delegações da entidade e atletas em caso de necessidade na capital baiana.

O lateral italiano foi substituído no primeiro tempo após ter deslocado o ombro direito em um choque com Neymar durante a partida.

Além de Abate, o técnico Cesare Prandelli poderá ter outros desfalques para a semifinal do torneio.

Prandelli elogiou bastante a atuação dos seus jogadores no segundo tempo da partida em Salvador. Com duas vitórias em três jogos e a segunda colocação do grupo A, a Itália enfrenta o primeiro colocado do Grupo B na quinta-feira, às 16h, em Fortaleza.

CONFRONTO


Jogador da Itália sofre trauma encefálico e é levado a hospital baiano

O clima nos arredores da Fonte Nova foi bastante tranquilo antes da partida. Torcida e até familiares de jogadores da seleção brasileira, caso do lateral Marcelo, chegaram mais cedo para evitar encontrar conflitos nos arredores do estádio.

No intervalo do duelo, no entanto, teve início um confronto de 500 manifestantes e a polícia militar na área do vale dos Barris, vizinha ao Dique do Tororó, uma lagoa que fica na frente da arena baiana.

Fonte: Folha