Jogadores do Flamengo reclamam atrasados; Clube se defende

Internamente, os jogadores reclamam dois meses de salários atrasados

O problema envolvendo salários atrasados no Flamengo não atinge apenas Ronaldinho. O camisa 10 não receberá seus vencimentos antes do encerramento do Campeonato Brasileiro e o restante do elenco pode seguir o mesmo caminho. A dívida com o craque é de R$ 2.250 milhões, equivalente a três meses. Em 5 de dezembro, um dia após o final da competição, alcançará quatro meses. Para que a situação seja resolvida, Flamengo e Traffic precisam chegar a um acordo e assinar o contrato.

Internamente, os jogadores reclamam dois meses de salários atrasados. O assunto ganhou proporção durante os últimos treinamentos e alguns atletas não escondem a insatisfação na reta final de temporada. A reportagem do UOL Esporte tentou contato com Michel Levy, vice de finanças, para esclarecer o assunto. O dirigente não retornou às ligações.

Através da sua assessoria de imprensa, a presidente Patricia Amorim se defendeu e informou que o mês do futebol vence no dia 25. Com isso, a dívida atingirá um dia de atraso na segunda-feira. A mandatária garantiu que o pagamento será normalizado durante a próxima semana.

Segundo a dirigente, o Flamengo quitou recentemente parcelas de luvas com Ronaldo Angelim, Renato Abreu e Deivid, além de parte dos atrasados de Val Baiano, atacante que passou em 2010 pelo clube. A premiação pelas últimas vitórias foi paga junto com a antecipação de 50% do 13º salário dos funcionários.

Sem colocar as polêmicas de bastidores em campo, o Flamengo terá um jogo decisivo contra o Internacional, neste domingo, às 17h (de Brasília), em Macaé, pela trigésima sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Só a vitória pode amenizar a tensão e aproximar o time da Libertadores de 2012.


Jogadores do Flamengo reclamam atrasados; Clube se defende

Fonte: UOL