Jon Jones confirma favoritismo, vence Vitor Belfort no UFC

Jon Jones confirma favoritismo, vence Vitor Belfort no UFC

Jones confirma favoritismo, finaliza Belfort e acaba com fase vilão com cinturão do UFC

Acabou a má fase do campeão Jon Jones. Não que ele tenha feito lutas ruins ou apresentações fracas, mas depois de se ver como um dos vilões do UFC envolto a tantas polêmicas, o norte-americano virou essa página de sua carreira com a vitória sobre Vitor Belfort na luta principal da edição 152, na cidade canadense de Toronto.

Com uma finalização a 54s do quarto round, com uma americana, Jon Jones conseguiu sua quarta defesa consecutiva do cinturão dos meio-pesados do UFC, ficando a uma vitória do recorde da categoria, que é do dono de uma cadeira no Hall da Fama do evento Tito Ortiz.

Até então um dos queridinho do público e do próprio Ultimate, Jon Jones entrou numa espiral negativa que contou com polêmicas com seus últimas rivais - Lyoto Machida e Rashad Evans -, uma grave batida de carro enquanto estava bêbado e um evento completamente cancelado por ele ter se recusado a enfrentar Chael Sonnen no UFC 151.

Agora, aos 25 anos, Jon Jones mantêm sua aura de invencibilidade e se aproxima ainda mais de nomes como Anderson Silva e Georges St-Pierre. O norte-americano conta com 17 vitórias e apenas uma derrota - com uma polêmica decisão em que um árbitro avaliou que ele deu uma cotovelada ilegal em Matt Hamill.

A luta - Jon Jones não pensou duas vezes antes de jogar no fácil. Com poucos segundos, colocou Vitor para baixo e começou aplicar seu clássico jogo de cotoveladas no ground-and-pound, que machucou muito o rosto do brasileiro. Belfort ainda teve um bom momento em uma tentativa de chave de braço que o americano escapou.

Belfort esboçou uma reação no segundo round enquanto a luta ficou em pé, principalmente nos chutes altos e nos contra-golpes, mas cansou. Jones foi chutando a perna do brasileiro e trabalhou mais uma vez por cima na guarda no minuto final.

O terceiro período também foi tranquilo para o norte-americano, que ainda acertou um chute rodado do fígado de Vitor que quase o nocauteou. Mas no round seguinte, Vitor partiu para cima, puxou mais uma vez para a guarda, e acabou sendo finalizado com uma americana.


Jon Jones confirma favoritismo, vence Vitor Belfort e acaba com fase vilão

Jon Jones confirma favoritismo, vence Vitor Belfort e acaba com fase vilão

Fonte: UOL