Europeus destacam Adriano e criticam "apagado e ausente" Ronaldo após clássico

Europeus destacam Adriano e criticam "apagado e ausente" Ronaldo após clássico

O encontro reuniu os jogadores pela primeira vez desde que retornaram ao Brasil

A primeira partida das oitavas de final da Copa Libertadores entre Flamengo e Corinthians repercutiu também na Europa. Dois dos principais jornais esportivos do continente, o italiano La Gazzetta dello Sport e o espanhol As comentaram a vitória de Adriano no confronto direto com Ronaldo, classificado como "apagado e ausente" durante a partida.

Publicação de Milão, onde Adriano e Ronaldo já atuaram, a Gazzetta destacou que o encontro reuniu os jogadores pela primeira vez desde que retornaram ao Brasil. Na Itália, eles também não chegaram a se enfrentar, e quem levou a melhor foi o flamenguista. O diário lembra que ele, embora não esteja em uma forma brilhante, ainda "assusta" o goleiro adversário e marcou de pênalti o gol que dá vantagem a sua equipe.

"Adriano decide, Ronaldo continua decepcionando", resumiu na sequência o jornal, atacando o desempenho "apagado" do atleta do Corinthians. Em baixa, ele "deverá se contentar em ver pela televisão" a Copa do Mundo, de acordo com o raciocínio dos italianos, que por outro lado elogiam o lateral esquerdo Roberto Carlos, colocando-o como um possível convocado do técnico Dunga.

O As não interpretou o confronto da Libertadores de um modo diferente, destacando que as expectativas eram altas para ver as estrelas, mas que o "autêntico protagonista" foi a chuva, "que complicou muito a prática do futebol".

O jornal lembrou que Adriano "decidiu" o resultado com o gol de pênalti, mas também lembrou que ele desperdiçou "várias ocasiões" para ampliar o placar. Ronaldo, por sua vez, foi de novo criticado pela "ausência" em campo, não tendo participado do jogo do Corinthians.

Fonte: Terra, www.terra.com.br