"Humilhação" e "lição de futebol" para Mourinho é destaque internacional

O diário Sport foi ainda mais longe e disse que o "Atético humilhou Mourinho"

A retranca de José Mourinho foi duramente criticada nas principais manchetes dos jornais europeus desta quinta-feira após a eliminação do Chelsea para o Atlético de Madri, na semifinal da Liga dos Campeões. Alguns falaram sobre uma "lição de futebol" e até mesmo "humilhação". Outros preferiram destacar a surpreendente campanha de Simeone no comando do time espanhol.

"Uma memorável lição de futebol", diz a manchete do Marca. "Delírio atleticano após derrota o Chelsea em pleno Stanford Bridge e derrubar outros três campeões da Europa no caminho: Porto, Milan e Barcelona", continuava a capa do jornal.

O diário Sport foi ainda mais longe e disse que o "Atético humilhou Mourinho" e destacou a "partidaça da equipe de Simeone, que venceu com gols de Adrián, Diego Costa e Turán".

O El Mundo explicou a vitória do Atlético como uma verdadeira "exibição do time de Simeone". Já o Mundo Deportivo lembrou que o feito é histórico e que o time de Madri volta a final da Liga dos Campeões após 40 anos.


Jornais europeus destacam

Por fim, o jornal britânico The Sun fez um trocadilho com os termos "lágrimas" e "Terry", lembrando que o experiente zagueiro do Chelsea chorou muito após a eliminação do seu time.

Mourinho cai nas semifinais da Liga pelo quarto ano seguido. Já Diego Simeone será o primeiro técnico sul-americano a disputar uma final em 13 anos.

Fonte: UOL