Em La Paz, de cada 100 bebês, 20 se chamam Neymar, afirma jornal

Em La Paz, de cada 100 bebês, 20 se chamam Neymar, afirma jornal

Representante de cartório na capital La Paz especula que, em 17 anos, a maioria dos homens da cidade seria xará do camisa 10 da seleção brasileira

A popularidade de Neymar não é mais surpresa para ninguém. No entanto, a influência causada pelo agora camisa 10 da seleção brasileira e craque do Barcelona começa a cruzar cada vez mais fronteiras culturais. O jornal boliviano "La Razon" publicou reportagem nesta quarta-feira em que afirma que o nome do jogador vem ganhando impressionante notoriedade no país, a ponto de servir de inspiração para os jovens casais locais.

De acordo com pesquisa feita pelo periódico, sem definição de período de consulta, dois de cada dez bebês nascidos na capital boliviana se chamam Neymar. A tendência é tamanha que até representantes dos registros civis se permitem fazer especulações que parecem um tanto exageradas.

- Acreditamos que a maioria dos homens adultos em 17 anos se chamará Neymar, porque essa é a tendência atual. É o nome na moda agora ? disse Remigio Condori, representante oficial de registros civis.

A pesquisa do jornal identificou alguns bebês com nomes de Lionel e Cristiano, em homenagem a Messi e Cristiano Ronaldo, respectivamente, mas em números nada comparáveis aos de Neymar.


Jornal boliviano revela tendência de pais darem nome de Neymar a filhos

Fonte: GloboEsporte