Juan lamenta apatia do Flamengo: "nunca fui prioridade"

Juan procurou esclarecer que não tinha interesse em retornar ao Brasil e que sua prioridade no mercado era o Flamengo.

Contratado oficialmente pelo Internacional no último domingo, o zagueiro Juan divulgou um comunicado nesta segunda-feira para esclarecer os motivos que o levaram a assinar um vínculo de dois anos com o time gaúcho. Antes na mira do Flamengo, o defensor manteve o interesse colorado em sigilo e disse que acertou com a equipe após a apatia apresentada pelos rubro-negros durante as negociações.

Juan procurou esclarecer que não tinha interesse em retornar ao Brasil e que sua prioridade no mercado era o Flamengo. Entretanto, a forma como os dirigentes cariocas se portaram fez com que o desejo do Internacional em contar com o seu futebol crescesse. Com a proposta dos gaúchos em mãos, o zagueiro ainda apresentou o valor que receberia aos flamenguistas, mas não obteve nenhuma resposta satisfatória.

"A sensação que eu tinha todas as vezes que conversava com algum representante do clube é que o Flamengo sempre foi prioridade para mim, mas eu nunca fui prioridade para o Flamengo. O nome Juan era valorizado pelos seus dirigentes, mas o jogador Juan, não. Tenho muita consideração pelo clube, por ter iniciado minha carreira lá, com apenas nove anos, mas faltou contrapartida. Sei que tenho uma história, meu valor e gostaria de ver o Flamengo reconhecendo isso", declarou o jogador.

Embora o clube rubro-negro tenha decepcionado o zagueiro, a sua motivação para atuar pelo Internacional continua intacta. O time será apenas o quarto de sua carreira - o jogador defendeu Flamengo, Bayer Leverkusen e Roma - e fará uma ação de marketing especial para a sua chegada a Porto Alegre. Sem uma data de estreia definida, Juan será integrado ao elenco colorado nos próximos dias e trabalhará para vestir a camisa 18 do clube o mais rápido possível.

"O Internacional fez o caminho certo. Procurou a diretoria da Roma, pediu autorização para negociar comigo e manteve contato permanente com os dirigentes italianos e com meu procurador. O Fernandão esteve na minha casa, no Rio, e me apresentou uma proposta que chegava muito perto daquilo que eu esperava e que acho que mereço. A equipe tem uma torcida maravilhosa e espero fazer história no Beira-Rio para honrar sua camisa", encerrou o experiente zagueiro.


Juan lamenta apatia do Flamengo:

Fonte: Terra