Júlio César se recupera de cirurgia e quer defender a seleção em novembro

Goleiro titular de Felipão teve grave contusão nas duas mãos durante treino do Queens Park Rangers.

Foi de arrepiar. Há dez dias, após mais uma sessão de exercícios com o fisioterapeuta Fred Manhães, na sala de sua casa, no elegante bairro londrino de Slone Square, o goleiro Júlio César ficou com um pé atrás quando viu o profissional com uma bola na mão. Mais ainda quando Fred pediu que se afastasse um pouco, cerca de cinco metros. E não acreditou quando o fisioterapeuta arremessou a bola em sua direção. Instintivamente, pegou a bola com as mãos. Não sentiu dor alguma, e nem percebeu quando uma lágrima escorreu pelo rosto.


Júlio César se recupera de cirurgia e quer defender a seleção em novembro

A emocionada reação do goleiro, que sofrera uma grave contusão nas duas mãos durante um treino do Queens Park Rangers, 20 dias antes, e fora submetido a uma delicada cirurgia no dedo médio da mão esquerda ? ele também luxou o dedo anular direito ? mexeu com Fred, que conhece o goleiro desde quando se tornou profissional no Flamengo, em 2000.

Preocupado com sua recuperação, o goleiro da seleção decidiu contratar por conta própria um fisioterapeuta brasileiro para apressar a recuperação. Júlio César estava preocupadíssimo, com medo até de nunca mais voltar a agarrar, e, por isso, pediu ao médico da seleção, José Luiz Runco, que indicasse um fisioterapeuta para tratar dele em Londres. Runco sugeriu Fred. E lá foi o carioca de 38 anos para a capital inglesa.

Diferentemente do goleiro, Fred não tinha qualquer dúvida quanto à recuperação ? ele tinha visto as radiografias. E quando percebeu a disposição com que Júlio César estava encarando os exercícios ? três sessões de duas horas por dia ? teve a certeza de que, em pouco tempo, ele estaria de volta aos gramados.

? O jogador, normalmente, é leigo e fica apavorado. Mas quando se dedica ao tratamento, tudo fica mais fácil. O Júlio seguiu tudo à risca e hoje está trabalhando sem dor alguma. Já recuperou todos os movimentos ? lembra Fred, que voltou ao Rio esta semana.

Durante os 18 dias em que ficou tratando do goleiro da seleção, Fred enviou quatro vídeos, com tudo documentado, para Runco. No início da semana, Júlio César foi liberado para voltar a treinar com os companheiros:

? O médico inglês ficou impressionado quando examinou o Júlio, quatro semanas após a operação. Disse que nunca tinha visto uma recuperação como a dele. O esperado era que retornasse em seis, sete semanas.

Treino no parque

Quando sentiu que o goleiro já não tinha mais qualquer medo, Fred levou Júlio César para treinar ao ar livre. Mas não foi no CT do QPR. Como foi contratado pelo goleiro sem o clube saber, o fisioterapeuta não podia entrar nas dependências do QPR. A solução foi procurar um parque próximo à casa do jogador:

? Júlio está empolgado. Acredita que possa jogar pela seleção já em novembro.

Além do amistoso com Honduras, dia 16 de novembro, em Miami, a CBF confirmou ontem que a seleção enfrentará o Chile, dia 19, em Toronto, no Canadá. Os dois países estão classificados para a Copa.

Mas nem há necessidade de Júlio César apressar sua volta para convencer Felipão. O goleiro é homem de confiança do técnico ? e, até agora, o único já convocado publicamente pelo treinador para a Copa.

Fonte: OGlobo