Júnior torce para que Zico tenha autonomia no Fla

Andrade e Nunes, outros ex-companheiros das conquistas dos anos 80

Os ex-companheiros da geração mais vitoriosa da história do Flamengo aprovaram a efetivação de Zico como diretor-executivo de futebol. Júnior, Andrade e Nunes foram unânimes em garantir que o ?capitão? continuará sendo um excelente líder rubro-negro, agora fora de campo. Desde que a presidente Patrícia Amorim dê total condição para que ele possa trabalhar com independência.

Existe um temor, pelo menos da parte de Júnior, que Zico sofra com os mesmos problemas que ele vivenciou em 2004. Na ocasião, o ex-lateral havia sido convidado pelo então presidente Marcio Braga para comandar o Fla-Futebol, que também pregava a profissionalização do departamento. Mas a política do clube e falta de recursos atrapalharam tudo.

- Foi a melhor notícia que poderia acontecer no início da gestão da Patrícia. As pessoas o conheceram pelos gols dentro de campo, mas agora vai ser diferente. Ele não vai poder resolver dentro de campo como acontecia, mas certamente tem visão para montar um time e estruturar o futebol. Só espero que ele tenha autonomia e respaldo financeiro para conseguir fazer o que eu tentei em 2004. Se não tiver isso, as dificuldades vão aparecer ? disse Júnior.

Vítima da turbulência que tem assolado o Flamengo ao longo de 2010, Andrade também elogiou a decisão de Zico ter aceitado o convite de Patrícia Amorim. Demitido por ela, o ex-treinador rubro-negro chegou a brincar que gostaria que o amigo tivesse assumido o cargo um pouco antes.

- Zico é o maior ídolo do clube, é uma figura carismática e que todo mundo respeita. Acredito que ele será um importante elo entre todos os grupos políticos que sabemos que fazem parte da vida do Flamengo. No atual momento, ele é o melhor nome para o cargo. É a pessoa ideal para organizar o futebol do Flamengo. Seria até melhor se ele já tivesse chegado antes, quando eu ainda estava lá ? brincou Andrade.

Um dos maiores beneficidados pela genialidade de Zico dentro de campo, Nunes também aprova a escolha.

- Foi uma escolha bem acertada, nota mil. Agora é deixar ele chegar, sentar na cadeira e começar a fazer os trabalhos. Sempre foi um líder e vai conseguir liderar o futebol do Flamengo fora de campo. É só deixar que ele trabalhe. Se ele precisar, estaremos ajudando no que for possível ? disse o ex-atacante.

Zico vai ser apresentado oficialmente na próxima terça-feira, na Gávea.

Fonte: Globo Esporte