Kardec e Valdivia mostram as marcas após agressões em MG

Kardec e Valdivia mostram as marcas após agressões em MG

Os mais atingidos foram Alan Kardec e Valdivia. O primeiro teve sua mão pisada pelo goleiro Matheus no fim da partida.

A confusão ocorrida na partida do último sábado, entre América-MG e Palmeiras, pela 22ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, ainda continua rendendo. Depois do procurador do STJD, Paulo Schmitt, revelar que pediu as imagens da cusparada dada por Willians em Alan Kardec, fato que não foi colocado na súmula pelo juiz Cláudio Mercante Júnior, surgiram algumas fotos que mostram bem as marcas das agressões sofridas pelos jogadores do Verdão no empate por 1 a 1.

Os mais atingidos foram Alan Kardec e Valdivia. O primeiro teve sua mão pisada pelo goleiro Matheus no fim da partida. Esse lance desencadeou toda a confusão e a cusparada dada por Willians. E o chileno levou socos e cotoveladas no olho esquerdo e na boca. Ele reclamou muito das agressões.

- Estou com o olho inchado e a boca inchada. Estou saindo com gelo na cara. É sempre assim, estou acostumado. Quando eu tomo porrada, ninguém fala nada. Quando eu dou, aparece STJD, imprensa, todo mundo reclama. É realmente complicado. Tomei duas cotoveladas, ninguém viu, ninguém falou nada.

Apesar das lesões, o gringo deverá estar em campo no duelo desta terça-feira, contra o Avaí, que será disputado no estádio da Ressacada, em Florianópolis. Como foi expulso junto com Matheus, Kardec terá de cumprir suspensão automática e voltará ao time no duelo contra o Sport, marcado para sábado, no Pacaembu.



Fonte: GloboEsporte