Keirrison se apresenta no time do Santos

Keirrison se apresenta no time do Santos

Emprestado pelo Barcelona por um ano, atacante afirma que acompanha os Meninos da Vila

Apresentado nesta segunda-feira, o atacante Keirrison afirmou que tem tudo para se dar bem no Santos, formado por jogadores jovens e velozes. O clube paulista conseguiu que o Barcelona emprestasse de graça o jogador de 21 anos, mas ficará responsável pelo pagamento dos salários e de um seguro.

- A equipe é rápida, e acho que combina comigo. Acompanho o time do Santos desde o começo do ano e sou uma peça que vai fazer de tudo para se encaixar. É um time que já ganhou o Paulista e está na final da Copa do Brasil. Vou fazer de tudo para ajudar a continuarem as vitórias - afirmou Keirrison, que não poderá disputar a decisão do torneio nacional, pois as inscrições já foram encerradas.

Antes de ir para a Europa, o jogador chegou a ser chamado de carrasco do Peixe, já que balançou a rede dez vezes em cima dos santistas, com sete gols pelo Coritiba e outros três com o Palmeiras. Agora, chegou a hora de pagar a dívida.

- Aconteceu. No Coritiba, em dois jogos acabei fazendo muitos gols. Meus primos que são santistas até brincaram sobre isso comigo, mas hoje represento o Santos e vou fazer de tudo para ajudar a equipe fazendo gols.

Keirrison nasceu em Dourados-MS e começou a jogar futebol no Cene. Transferiu-se para as categorias de base do Coritiba em 2005 e, no ano seguinte, foi promovido aos profissionais. Em 2007, foi artilheiro do Coxa na Série B, quando marcou dez gols e ajudou o time a subir de divisão. Em 2008, sob o comando do atual técnico do Santos, Dorival Júnior, Keirrison foi o maior goleador do Brasileirão, com 21 gols, ao lado de Washington e Kléber Pereira, então no Fluminense e no Santos, respectivamente.

Vendido para o Palmeiras para disputar a temporada de 2009, chegou a ter uma média de 1,33 gol por partida, mas ao todo marcou 24 vezes em 35 jogos. Foi negociado em maio com o Barcelona, da Espanha, por ? 15 milhões (aproximadamente R$ 41 milhões), mas não jogou uma partida sequer. Foi repassado por empréstimo para o Benfica, de Portugal. Jogou sete vezes e marcou dois gols. Insatisfeito, foi para a Fiorentina, da Itália, e balançou as redes duas vezes novamente, em 11 partidas realizadas

Fonte: Globo Esporte