Ex-presidente do Santos revela que dinheiro da venda de Neymar incluiu até orgia em Londres

Ex-presidente do Santos revela que dinheiro da venda de Neymar incluiu até orgia em Londres

Luis Álvaro deixou a presidência do Santos por problemas de saúde.

O ex-presidente do Santos Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, que renunciou ao cargo neste mês, recupera-se de grave problema de saúde, diz ter renascido, mas acumula mágoas de diversas pessoas do futebol. O maior desafeto: Neymar da Silva Santos, pai de Neymar. Com 41kg a menos, Em entrevista ao site Espn.com.br, Laor, como ficou conhecido durante a gestão no Peixe, atacou o pai do atacante Neymar e disse que os valores da venda do craque para o Barcelona incluíram "cafezinho, orgia e p...."

O ex-mandatário santista falou que atropelaria o desafeto caso o encontrasse na rua.

- Nesses 90 milhões de euros estavam incluídos o dinheiro do cafezinho do pai do Neymar e uma orgia no hotel Piccadilly, em Londres. Porque ele (pai do Neymar) cobra qualquer coisa. Ele nunca me pagou um café. E eu paguei uns 200 cafés para ele. Então, esses 90 milhões são exagerados. Isso inclui p.... Achava que o pai do Neymar era meu amigo. Mas hoje não quero ver na frente do meu carro: ao invés de brecar, eu acelero. Não estendo a mão para ele. E, se estender, é para dar uma porrada - desabafou.

Luis Álvaro deixou a presidência do Santos por problemas de saúde. Antes com 123kg, Laor teve de emagrecer. Agora, com uma vida mais saudável longe do estresse vivido no Peixe, ele está com 82kg. Fora do futebol, ele não esconde mágoas com Mano Menezes e Vanderlei Luxemburgo. Ele revela ainda uma discordância com o atual presidente do Alvinegro, Odílio Rodrigues, que era seu vice.

- O filho da p... do Dalton Menezes. Dalton não, Mano Menezes. Eu chefiei a delegação dele (no amistoso da Seleção Brasileira contra os EUA, em agosto de 2010) e ele me disse que ia dispensar o Neymar para jogar contra o Corinthians. Na última hora, não dispensou. Sujeito falso. Como também não faço questão de ver o (Vanderlei) Luxemburgo. Embora outro dia eu tive de passar pelo constrangimento de sentar à mesa de jantar ao lado dele. E se acha lindo. "As mulheres me adoram. As mulheres se jogam no meu pé". Eu detesto gente convencida. Prepotente. Comigo isso não funciona - declarou Luis Alvaro, que não se esqueceu de outro desafeto: "Andrés Sanchez. Não quero mais falar com ele - disse Laor.

Sobre Odílio, Laor reclama do fato de o novo presidente ter feito mudanças no quadro de funcionários do clube.

- Uma coisa que o Odílio fez e eu realmente não gostei: no dia em que renunciei, ele demitiu todos os profissionais que eu tinha contratado. Tinha de me dar satisfação, não me deu. Como no caso do Leandro Damião. Nem um telefonema para perguntar o que eu acho. Acho estranho um cara como eu, ter ganho os titulos que ganhei, não ter recebido uma única consulta - completou.

Fonte: GloboEsporte