Com brasileiros do Milan apagados, Cristiano Ronaldo brilha e Real vence por 2 a 0

Com brasileiros do Milan apagados, Cristiano Ronaldo brilha e Real vence por 2 a 0

O confronto que reuniu 16 títulos europeus teve como espectador o técnico da Seleção Brasileira

Cristiano Ronaldo foi o grande nome do clássico europeu desta terça-feira. O Real Madrid recebeu o Milan no Santiago Bernabéu pela Liga dos Campeões e venceu por 2 a 0, com ótima atuação do astro português. Por outro lado, os brasileiros Ronaldinho, Alexandre Pato e Robinho pouco fizeram contra a defesa da equipe da casa.

O confronto que reuniu 16 títulos europeus teve como espectador o técnico da Seleção Brasileira, Mano Menezes, que está no continente para conferir de perto atletas que podem ser convocados.

Com o triunfo, o Real Madrid abre vantagem na liderança do Grupo G. A equipe espanhola chegou a nove pontos, enquanto o Milan permanece com quatro tentos na segunda colocação. Com o mesmo número de pontos, o Ajax aparece na terceira posição, enquanto o Auxerre é lanterna.

A vitória serviu também como uma "vingança" para o Real Madrid. Na última edição da Liga dos Campeões, as equipes se enfrentaram também pela fase de grupos, e os italianos conseguiram uma vitória por 3 a 2 em Madri, além de um empate em Milão.

O Real Madrid seguiu com seu esquema, que garante marcação eficiente no meio de campo e ataque veloz. Cristiano Ronaldo liderou as ações, com Di María e Ozil a seu lado. Já o Milan utilizou o trio ofensivo com Ronaldinho, Alexandre Pato e Ibrahimovic, que pouco fizeram.

A partida foi interrompida no primeiro minuto após um torcedor invadir o gramado. Após a paralisação, porém, o futebol começou em alta velocidade, com o Real Madrid pressionando o Milan em seu campo de defesa. Com apenas 13min, a partida já estava 2 a 0 para a equipe da casa.

Aos 12min, Cristiano Ronaldo cobrou falta na entrada da área e a bola acertou o canto direito de Amelia, após passar por entre a barreira. Um minuto depois, o astro português escapou da marcação de Gattuso e passou para Ozil. O alemão chutou de primeira e venceu o goleiro do Milan contando com desvio em Bonera.

O Real Madrid envolvia o time italiano com a rápida troca de passes entre os jogadores de ataque. A primeira grande chance para o Milan saiu aos 29min, em cobrança de falta de Pirlo que exigiu grande defesa de Casillas. Quatro minutos depois, Ronaldinho deixou Seedorf na cara do gol com grande passe, mas o holandês chutou por cima da meta.

O time espanhol ainda teve duas grandes oportunidades de ampliar antes do intervalo. Aos 36min, Cristiano Ronaldo driblou nesta e chutou para a boa defesa de Amelia. Cinco minutos depois, Di María arrancou no meio de campo, invadiu a área e chutou na defesa, irritando seus companheiros de ataque, que davam opções melhores a seu redor.

No segundo tempo, a partida manteve o ritmo de antes do intervalo. O Real trocava passes enquanto o Milan esperava o contra-ataque. As finalizações, porém, não repetiam a qualidade dos toques, facilitando o trabalho de Amelia.

Incomodado com a atuação de sua equipe, o técnico Massimo Allegri lançou Boateng no lugar de Gattuso no Milan. A próxima ação do treinador foi substituir Ronaldinho por Robinho, que retornou ao gramado do Santiago Bernabéu sob vaias de sua ex-torcida.

Aos 25min, o brasileiro Marcelo fez grande jogada pela esquerda e rolou para Cristiano Ronaldo chutar feio por cima do gol. Robinho teve sua única chance clara de gol aos 38min, quando finalizou forte no canto esquerdo e Casillas defendeu.

Ajax vence em casa

No outro confronto da chave, o Ajax derrotou o Auxerre por 2 a 1 em Amsterdã, em jogo marcado pelas expulsões. Três atletas foram para os vestiários mais cedo, dois deles da equipe francesa.

De Zeeuw abriu o placar aos 7min para a equipe da casa. Aos 41min, o uruguaio Suárez ampliou para os holandeses. Birsa descontou na etapa complementar aos 12min, dando números finais ao jogo.

Fonte: Terra, www.terra.com.br