Luis Fabiano quer vencer a Copa para homenagear o avô

Luis Fabiano quer vencer a Copa para homenagear o avô

Atacante teve em Seu Ditão, falecido em 2000, o grande incentivador da carreira

Benedito Clemente teve um significado especial na vida de Luis Fabiano. Era mais do que um avô. Quando a mãe Sandra engravidou e precisou cuidar sozinha do filho, ele assumiu a responsabilidade de criar o neto. Seu Tidão, como o artilheiro o chamava, Foi pai, amigo, conselheiro. Uma das poucas pessoas que o Fabuloso ouvia e respeitava. O fã número um. Por isso, vencer a Copa do Mundo e conquistar o hexa vai ser uma forma de o atacante homenageá-lo.

- Fui criado pelo meu avó e, infelizmente, hoje ele não está mais aqui. Eu gostaria de ganhar essa Copa do Mundo pelo meu avô. Ele foi meu pai, meu primeiro fã - disse Luis Fabiano, que se emocionou ao falar sobre Seu Ditão na coletiva.

Seu Ditão foi o maior incentivador da carreira de Luis Fabiano. Foi ele quem levou o neto para o Guarani, no início da caminhada no futebol. O atacante foi dispensado e desanimou. Mas o avô estava lá para dar uma força. Quando Fabuloso virou profissional pela Ponte Preta, clube de coração de Seu Ditão, a alegria foi enorme. De bar em bar, ele passeava por Campinas falando sobre o neto.

- Meu avô andava com o recorte dos jornais no bolso e ia mostrando para todo mundo. Ele foi meu grande ídolo e fã. Sempre esteve ao meu lado, me apoiando nos momentos difíceis.

Fonte: Globo Esporte