Lula: Copa entrou na história do Corinthians, e não o contrário

Lula: Copa entrou na história do Corinthians, e não o contrário

"Eu era muito menino quando ouvia presidentes do Corinthians prometerem a construção de um estádio.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi a estrela da assinatura do contrato para a construção do estádio do Corinthians neste sábado. Torcedor do clube, o político do PT mostrou-se emocionado e fez questão de ressaltar que a ideia de construir uma arena corintiana ultrapassa a intenção de sediar a abertura da Copa de 2014.

"Eu era muito menino quando ouvia presidentes do Corinthians prometerem a construção de um estádio. Agora, com o Andrés Sanchez, finalmente estamos construindo nossa casa", disse Lula, que comparou a emoção de ver a assinatura do contrato para a construção do estádio ao gol de Basílio em 1977, que acabou com um jejum de 23 anos sem títulos do Corinthians.

Lula chegou ao local da assinatura do contrato - em uma rua ao lado do futuro estádio do Corinthians, em Itaquera - por volta das 12h. Às 13h30, subiu ao palco armado para a festa de 101 anos do clube, completados na última quinta-feira. Ovacionado pela torcida, o ex-presidente da República exaltou a história do time.

"É importante deixar claro que não foi o Corinthians que entrou na história da Copa. Foi a Copa que entrou na história do Corinthians", disse Lula, lembrando que, quando era presidente, a ideia era realizar a abertura do Mundial no estádio do São Paulo, o Morumbi.

"Nós achávamos que o Morumbi iria sediar a Copa. Cheguei a visitar o Morumbi com governador de São Paulo (na época, José Serra), com o presidente da CBF (Ricardo Teixeira), com o presidente da Fifa (Joseph Blatter), mas não sei por que motivo não deu certo. Só quem pode responder isso é o Juvenal (Juvenal Juvêncio, presidente do São Paulo), o presidente da CBF e o presidente da Fifa. Mas a ideia de construir um estádio para o Corinthians vem antes da possibilidade de sediar a abertura da Copa", disse Lula.

Fonte: Terra