Luxa diz que não pedirá "aumento" para renovar com Grêmio; saiba

Técnico divulgou uma nota oficial com a sua posição para o próximo ano

O técnico Vanderlei Luxemburgo não pedirá aumento de salário para permanecer no Grêmio em 2013. Em um comunicado na tarde desta quarta-feira, o treinador reafirmou o interesse em seguir no clube para a próxima temporada, mesmo com a eleição de Fábio Koff, e garantiu que não exigirá um "um centavo" de reajuste.


Luxa diz que não pedirá

- Meu contrato, se renovado, será do mesmo valor do atual pois sou muito bem remunerado. O que eu ganho é muito além da expectativa da população brasileira. Não quero um centavo de aumento - disse no comunicado.

Em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira, Luxemburgo reafirmou a sua preferência em permanecer no Grêmio, mas se mostrou aberto a outras possibilidades, caso Koff opte por um novo treinador. Ao garantir a manutenção dos objetivos de classificar o clube à Libertadores e levá-lo ao título da Sul-Americana, projetos estabelecidos em conjunto com Paulo Odone, o treinador disse ?não saber qual será o amanhã?. Revelou esperar uma conversa com a nova direção, ter recebido sondagens de outros clubes e não descartar trabalhar no Inter.

- Conheço o Fábio Koff há muito tempo. Tive embates com o Grêmio quando ele era presidente, e tive contato com ele na Seleção. Vou usar algo que ele disse. Hoje ele me quer, hoje minha preferência é continuar. Se amanhã o presidente entender que não sou o nome predileto, entendo com a maior naturalidade. Sou preparado. Sou profissional. Ele tem direito de mudar, como eu tenho também de escolher onde trabalhar. Tive uma reunião com o presidente Odone hoje e pedi permissão para conversar com o Koff. Se isto surgir, vou conversar. Mas amanhã ninguém sabe ? explicou.

Fábio Koff viajou para Nova York um dia depois da eleição. De acordo com a assessoria do novo presidente, ele só se posicionará sobre as definições para a próxima temporada quando retornar da viagem, no dia 4 de novembro.

Logo depois da vitória na eleição, Koff garantiu que irá procurar Luxemburgo para uma conversa. Não confirmou, porém, que o atual técnico seguirá no comando do Grêmio em 2013.

- Ele (Luxemburgo) vai ser procurado por nós. O momento é do Grêmio. Exige distanciamento. Se não usei anúncios durante o pleito, não os farei agora. Nos últimos anos, o Grêmio contratou demais. Temos de ser um exemplo de ter equalização entre receita e despesa - completou.

Dentro de campo o Grêmio recebe nesta quarta o Barcelona-EQU por uma vaga nas quartas de final da Copa Sul-Americana.

Fonte: GloboEsporte.com