Mano sobre retorno de Fred: "A oportunidade se abriu de novo"

Mano sobre retorno de Fred: "A oportunidade se abriu de novo"

Em relação ao atacante, também havia polêmica.

Para a decisão do Superclássico das Américas no próximo dia 21 de novembro, contra a Argentina, em Buenos Aires, o técnico Mano Menezes chamou cinco campeões brasileiros pelo Fluminense: Jean, Carlinhos e Thiago Neves, Diego Cavalieri e Fred. Havia uma cobrança em cima do treinador pela presença dos dois últimos na Seleção. Em relação ao atacante, também havia polêmica.

Depois do corte na primeira partida do Superclássico das Américas no ano passado, em Córdoba, o artilheiro do Campeonato Brasileiro foi chamado apenas para os duelos contra Costa Rica e México. "Encostado", ele reclamou e deu declarações mais fortes sobre o treinador da seleção brasileira. Mano, porém, afirma não ter problema.

- Nesse momento, a gente une o fato às palavras e confirma o que sempre dissemos, sobre o Fred ou qualquer outro jogador. Nossas escolhas são técnicas, estratégicas e de oportunidades. Minhas escolhas representam a parte principal do trabalho e a oportunidade se abriu novamente - comentou o comandante.

Sobre Diego Cavalieri, Mano justificou sua ausência com o momento da posição na seleção brasileira. Até então, o técnico havia convocado 12 jogadores diferentes e ainda não tinha definido um titular absoluto, como parece ser Diego Alves agora.

- Nós tínhamos uma parte anterior mais importante do que essa para dar tranquilidade à posição. Havíamos convocado mais jogadores do que o normal. E antes de apresentar um nome novo (como o de Cavalieri), que vive um momento espetacular, era mais importante dar uma sequência. E foi isso que fiz - finalizou Mano.

Antes do Superclássico das Américas, a seleção brasileira, com a presença de jogadores "europeus", faz amistoso nesta quarta-feira, contra a Colômbia, em Nova Jersey, nos Estados Unidos.

Fonte: Globo Esporte